CHAT 23 a 29/mar

23mar15

Leia também…

Histórico de Chat’s (muitas dicas!)

Receba um resumo semanal desse Chat, toda segunda-feira...
Mais: Antes e depois  |  Melhores artigos do Blog  |  Chat’s  |  Livros
      RSS dos comentários



55 Responses to “CHAT 23 a 29/mar”

  1. 1 Leitão

    Bom dia, amigos!

    Abraço e ótima semana a todos!
    Leitão

  2. 2 Firmino Medeiros

    Perfeito!! Apesar desse texto circular muito nas mídias sociais, sempre que o leio, a reflexão é imediata e bastante válida!! Um forte abraço ao amigo Leitão e um excelente semana a todos!!!

  3. 3 Leitão

    :-)

  4. 4 Clari

    Muito boa a mensagem! Outro dia encontrei uma frase que caiu pra mim como uma luva. “Independência financeira é você não precisar mais vender seu tempo”.

    Felicidade para todos!

  5. 5 Leitão

    Valeu, Clari! Boa frase! :-)

  6. 6 Eduardo Becker Ambrosi

    Leitão,
    (veja o vídeo);
    O rapaz aprendeu direitinho, ou se enganou em alguma das declarações?
    http://exame.abril.com.br/videos/seu-dinheiro-na-tv/investir-na-bolsa-agora-e-suicidio/

  7. 7 Leitão

    Oi Eduardo!
    Embromation…. :-)

    Abraço!
    Leitão

  8. 8 Oberdan Judice

    Leitão,

    Como as ações ficarão em carteira por um longo tempo vale a pena alugar essas ações? Se sim como se faz para achar “inquilinos”.

    Ab

  9. 9 Anônimo

    Boa tarde Leitão,

    Parabéns pelo blog.

    Sou iniciante nessa arte.

    Fiquei curioso para saber o número de investidores na Bovespa. Procurei e achei os seguintes números:

    Quantidades de Investidores Fevereiro/15

    **Pessoas Físicas: 566.615 (95,69%)
    -Homens: 429.268 (75,00%)
    -Mulheres: 137.347(25,00%)

    **Pessoas Jurídicas: 25.492 (4,31%)

    TOTAL: 592.107

    Obs: Contagem dos CPFs/CNPJs de investidores por Agente de Custódia.

    Fonte: http://www.bmfbovespa.com.br

    Mas segundo o presidente da Bovespa, a meta é alcançar 5 milhões de pessoas físicas até 2016. Será que vai?

    Ah! Aqui em Florianópolis temos o “Uai Di Minas”, restaurante mineiro muito aconchegante.

    Um abraço,

    Turcato

  10. 10 Leitão

    Oi Oberdan!
    Boa noite!

    Outro dia comentei isso:

    “Olha, aluguel de ações dá preguiça. Eu não faço, o retorno é baixo. Mas tem gente que gosta e é válido. Em geral os melhores aluguéis são de empresas instáveis, e geralmente nossa carteira é composta de boas empresas…

    Se você estudar e ver que vale a pena, ok.
    No link abaixo tem mais informações e a corretora pode lhe ajudar. Se sua corretora não lhe ajudar, tente essa outra:

    http://www.rico.com.vc/educacional/aluguel-de-acoes

    ————————
    Oi Turcato!
    Boa noite!

    Seja bem vindo à turma! Aqui estamos entre amigos, na minha cozinha mineira… Comidinha boa :-)
    Tô com saudades de Florianópolis!

    Os dados são mais ou menos esses mesmos, o que nos mostra o quanto o brasileiro é pouco informado sobre bolsa, ou mesmo o quanto é preguiçoso quando o assunto é investir… E tem mais:

    Em média só 7% são pessoas físicas, 12% fundos e 30% investidores estrangeiros.

    Ou seja, os estrangeiros estão mais por dentro do que nós mesmos…

    Essa meta de 5 milhões de PF até 2016 é bem ambiciosa, pra não dizer uma viagem na maionese mesmo…

    O brasileiro só dá atenção à bolsa de valores quando está em fase de alta e quando o Willian Bonner começa a falar bem dela… ô povo bobo…

    —————-
    Abraços!
    Leitão

  11. 11 Fernando

    Boa noite Leitão! Na sua opinião a que se deve a diferença de valor entra as ações RAPT3 e RAPT4?

  12. 12 Gabão

    Leitão Boa Noite! !!!! O que você acha da kleperweber? Você gosta desse setor?

  13. 13 Leitão

    Oi Fernando!
    Bom dia!

    A RAPT4 (PN) tem tag-along de 80% (igual a ON) e é bem mais líquida. Ambas pagam os mesmos dividendos… Então a turma valoriza mais a PN…

    ——————–
    Oi Gabão!
    Bom dia!

    Esse setor é bem fraco… mas…

    Outro dia comentei sobre ela, veja:
    https://leitaoemacao.wordpress.com/2014/11/03/chat-03-a-09nov/#comment-24931

    —————
    Abraços!
    Leitão

  14. 14 Douglas

    Olá Professor Leitão.
    Creio que não conversamos desde o término do curso. Mas já iniciei o IG com mais segurança após suas aulas. Sobre a questão da definição de sucesso citada acima acredito que muitas vezes nosso sistema capitalista atrela nosso sucesso ao desempenho econômico de uma forma ou outra. Li muito pouco sobre o Capital de Marx, mas uma das coisas que ele nos coloca e que torna o capitalismo ainda não autodestrutível seja a ilusão de liberdade atrelada ao conceito de sucesso e uma forma ou outra todos carregamos algo desse modelo econômico na definição sucesso que nos é ensinado desde cedo e é difícil se desgarrar. Estou tentando, rs.

    Bem o que gostaria de perguntar é mais prático, é sobre uma ou duas boas corretoras, duas me chamaram a atenção sobre os comentários positivos e preços e taxas. Foi a Rico e Speedtrade. Quero saber se os amigos conhecem e se tem boas referências sobre as mesmas. Não sei bem se essa pergunta cabe nesse post, mas fiquei com dúvidas e tenho que mudar da corretora que faço parte, pois agora sei que é penoso trabalhar com bancos, rs.

    Abraços.

  15. 15 Leitão

    Oi Douglas!
    Que bom saber que está caminhando bem…

    Uma dica importante: A partir de agora o melhor lugar para você participar e postar dúvidas como essa e muitas outras será lá na turma, veja: http://leitaoemacao.com/buteco

    Lá é melhor pois a turma toda pode ajudar e postar anexos, etc…

    Sobre sua dúvida, a Rico é boa, barata e atende tem… Mas comente isso com a turma lá que vão lhe dar mais feedback.

    Sobre o Capitalismo… ele não é ruim, só está em uma fase infantil (mimado, egoísta e predatório)… Penso que aos poucos está se transformando e mudando para o que chamo de capitalismo amadurecido (consciente, sustentável, coletivo e virtuoso)… Afinal, ou ele evolui e amadurece, ou se auto-destrói se continuar assim…

    Abraço!
    Leitão

  16. 16 Anônimo

    Leitão,

    Estou com um dúvida e talvez você ou alguém aqui possa me ajudar.
    Sou pequeno investidor (nanoinvestidor eu diria, rs) e estou começando a formar uma carteira de longo prazo, formada em investimento gradual. Com leitura do seu blog, outras fontes e, por fim, nos relatórios das empresas, tenho acompanhado algumas e feito compras no mercado fracionário, considerando uma quantidade de ações de modo que a taxa de corretagem não me faça começar a partida perdendo já de 1 a 0.

    Sei que temos que diversificar os setores das empresas que somos sócios e ter uma quantidade razoável de papeis na carteira. É aí que está o meu problema… o meu cobertor é curto. Não conseguiria fazer compras graduais, em um mesmo período, para todas as empresas da carteira se forem muitos papeis. Seria possível eu intercalar essas compras?

    Por exemplo, supondo que eu tenha montado uma carteira com 6 papeis: A, B, C, D, E, F… seria correto eu fazer o investimento gradual da seguinte maneira:
    Período 1 – compro ações das empresas A, B e C
    Período 2 – compro ações das empresas D, E e F
    Período 3 – compro mais ações das empresas A. B e C
    Período 4 – compro mais ações das empresas D, E e F
    Assim por diante… é correto pensar desta forma?

  17. 17 Leitão

    Oi “Anônimo” (você esqueceu de dizer seu nome ou apelido)

    Parabéns! Pouco ou não o importante é começar e ter disciplina.

    Sim, correto… fazendo rodízio sistemático…

    Mas 6 empresas é pouco… Que tal 20? Assim cada uma representaria cerca de 5% da carteira…

    Nesse caso pode-se, por exemplo, comprar duas por mês, dando um rodízio completo em 10 meses… Ou 3 por mês, dando rodízio de 6 meses mais ou menos… E assim por diante…

    Abraço!
    Leitão

  18. Leitao!
    Neste momento turbulento da economia brasileira, fica ainda mais importante nos mantermos firmes nos nossos objetivos de investimentos na bolsa de valores.
    Para animar os leitores aqui do blog a nao desistir, te faco duas perguntas.
    Sempre tive uma curiosidade de saber a quantos anos voce ja investe na bolsa e qual o DY da sua carteira de IG?
    Abraco
    MarcosW

  19. 19 Leitão

    Oi Marcos!

    Bem, eu não sou uma boa referência não…

    É até estranho eu dizer isso, não é?

    Mas é porque eu sempre fui muito empreendedor, para não dizer um louco mesmo. Tudo que fiz na vida foi muito intenso, acho que acelerei um pouco demais as coisas… É o meu perfil, e pode não ser o de outros…

    Mas a questão não é o quão rápido se consegue seus objetivos, mas o quanto você consegue viver contente caminhando em direção a eles… (Ah!, aqui vale a pena um parêntese: essa coisa de viver em função de objetivos talvez não seja uma boa… objetivos são um ponto focal traiçoeiro. Penso que melhor do que focar em objetivos é focar em princípios, esses sim, perenes, nos acompanham sempre no caminho).

    Mas já que perguntou, minha breve história é essa:

    – De bolsa já são mais de 10 anos… acho até pouco tempo… Mas no começo eu errei muito, era um leigo jogador… Depois acabei me dedicando mais e tirei o atraso :-), compensei os erros do começo… Já o DY da carteira varia muito, entre 1,5x a 2x da renda fixa dependendo da época… Hoje minha renda principal vem de dividendos e alugueis, pois também tenho imóveis comerciais alugados, fora a renda fixa e outros…

    Mas poupo desde os 18 anos… Comecei com pouco, era balconista de mercearia de bairro, depois trabalhei muitos anos como programador de computadores e fui seguindo carreira na área de informática, fui consultor, empreendedor, etc., em fim, já pedalei bastante por aí, com sol e com chuva…

    Com 32 decidi sair da empresa e cuidar dos investimentos… Hoje, com 37, sinto que valeu a pena o esforço… Entretanto, difícil imaginar que consegui tudo isso sozinho, não foi mesmo… Acho que a boa sorte me guiou… Ninguém consegue nada sozinho, há sempre uma Luz maior que está por perto, colocando pessoas, ferramentas, oportunidades, colocando sabedoria em nossas decisões… A questão é o quanto estamos próximos ou não dessa Luz…

    Bem, como disse, talvez eu não seja uma boa referência, dado meu jeito apressado de caminhar que tive no passado…

    O que posso dizer aos amigos é o seguinte: é bom ter dinheiro e tranquilidade financeira, mas isso não deve ser o foco de nossa vida. Se vier por bem, por merecimento, naturalmente, ok. Mas se colocar o foco de sua vida nisso pode até ficar rico, mas talvez não terá paz.

    Outro dia comentei com um amigo aqui no chat que lidar com o tema investimento é 30% matemática e 70% filosofia. Então me perdoem se sou repetitivo, mas a Verdade não muda.

    Aqui incentivo os amigos a investirem bem, afinal o fruto de nosso trabalho merece ser bem administrado. Mas sempre dou um toque para investirem também na busca por mais sabedoria… Ela vale mais que outro e prata, como está em Provérbios 8:11. Hoje eu abriria mão de tudo que conquistei materialmente, mas não abro mão de viver com paz, diante dessa Luz que me guiou.

    “Poxa, Leitão! Quanto blá blá blá! A gente aqui quer saber de bolsa, dinheiro, money!! ”

    :-) Pois é! Se for só para falar de dinheiro tem muitos blogs por aí, que só pensam nisso mesmo… Mas aqui é minha cozinha onde recebo os Amigos, então gosto de levar uma prosa mais legal…

    Abraço!
    Leitão

  20. 20 APC

    olá leitão,
    Também já corri demais, talvez seja esse meu “medo” dar uma ré grande nesse mercado volátil como está, por isso fiz aquela indagação em vender parte da Rv.
    Quando vc cita que seu DY varia de 1,5 a 2 x a RF , vc o faz sobre o PM de compra ou sobre o valor atualizado da carteira??
    Só pra exemplificar o que estou dizendo:
    Uma loja comprada a 12 anos atrás por R$ 60.000,00.que hj me rende R$ 2500,00 de aluguel, então o DY seria 50% ao ano??Ou seja 4 vezes a RF? abs e siga transmitindo paz e prosperidade.

  21. Leitao, o grande diferencial do blog é a forma como vc lida com as questões off bolsa. Na parte burocrática da coisa com paciencia e lendo seus livros a gente ja aprende o essencial, mas a filosofia que é o mais interessante e nos ajuda a manter a disciplina necessária. Não pare!

  22. 22 Sedex

    Leitão, tudo bem?
    Estive analisando algumas empresas e resolvi pesquisar o setor de carne e derivados. Me deparei com a BAUH4. Me parece que desde 2010 para cá ela está buscando melhorias (lucro vem crescente, receita crescente, margem vem aumentando, ROE elevado, possui grana em caixa e não tem dívidas).

    Só não gostei de ON não ter movimentação e PN não possuir Tag Along.

    O que acha?

  23. setor bem fraco sedex… essa que vc comentou nao da pra ser sócio… se piorar voce não consegue vender a ON e a PN numa troca de controle, que há possibilidade de ocorrer ( uma friboi da vida comprar por exemplo), você estaria em maus lençóis. .

  24. 24 Leitão

    Oi APC!

    O DY da carteira é pelo valor investido… Por isso que, ao acumular QTDEs de ações ao passar dos anos, o foco deixa de ser preço do momento e passa a ser Qtde, pois quanto mais ações se possui, mais participação tem nos lucros…

    Por exemplo: 100 ações da Cemig hoje são as mesmas 100 ações da Cemig de 10 anos atrás… Mas… Receberei dividendos a partir da participação do lucro atual, sendo que comprei “barato” no passado. Diferentemente de alugueis, que apenas acompanham a “inflação”, as empresas possuem a “mágica” dos lucros-sobre-lucros, dinheiro que gera dinheiro… aí é que está o pulo-do-gato!

    ————————
    Oi Thiago! Obrigado!

    ————–
    Oi Sedex!
    Pois é, a BAUH4 está mostrando desempenho legal atualmente… Baixa liquidez e sem tagalong é ruim, visto ser pequena e novata… Mas pode-se acompanhar e estudar com o tempo… quem sabe…

    ————
    Abraços!
    Leitão

  25. 25 Eduardo Becker Ambrosi

    Leitão
    Em qual dos seus livros você ensina sobre dividendos?
    Tenho muitas dúvidas sobre dividendos.
    Obrigado

  26. 26 Edu

    Oi, APC!!

    A sua conta do DY está correta !! é desse jeito mesmo que calcula!

    Tomei a liberdade de calcular, quanto valeria se tivesse investido o mesmo R$ 60.000,00 em RF atrelado à SELIC 12 anos atrás. E cheguei a valor de R$ 260.150,71 utilizando a calculadora do cidadão do BC.
    Isto da fazendo as contas dá 13% ao ano.

    Parabéns por bom negócio!!

    Um abraços!

    Edu

  27. 27 Leitão

    Oi Becker!

    Meus livros não trazem detalhes operacionais, eles são focados em conceitos e dicas educacionais. É o mesmo conteúdo aqui do Blog, só que revisado e compilado. Neles não entro em detalhes sobre operações ou mesmo sobre questões técnicas sobre dividendos, não seria viável tratar desses assuntos em um livro, preciso de uma didática melhor e acompanhamento de perto com cada aluno. Faço isso em detalhes com a turma nos cursos, veja: http://leitaoemacao.com/curso

    Mas a questão dos dividendos é bem simples: você vai acumulando ações de várias empresas e ao longo dos anos vai crescendo com elas e recebendo parte dos lucros em formato de dividendos. Para cada ação que possuir vai recebendo um percentual em dinheiro, que vai cair na sua conta corrente da corretora, aleatoriamente, umas 4 vezes por ano. No começo parece pouco, mas depois cresce que é uma beleza. Se começar hoje, por exemplo, vai achar pouco… 2%, 5%, etc… Mas com o crescimento da carteira eles vão ficando ótimos…

    Um abraço!
    Leitão

  28. 28 Edu

    Oi, Eduardo Becker Ambrosi !

    Posta a tua dúvida com relação à dividendo!
    Nos aqui não temos problemas em compartilhar conhecimento!!!
    Não é mesmo Leitão ???

    Um abraços.

    Edu

  29. 29 Leitão

    É isso aí, Edu!

  30. 30 Eduardo Becker Ambrosi

    Duvida 1: Aonde posso ficar sabendo qual o dia os dividendos serão pagos?
    Dúvida 2: É possível receber dividendos em day-trade?
    Dúvida 3: Dividendos são pagos regularmente por quais empresas?

  31. Já que você quer estudar sobre dividendos recomendo :

    http://daltonvieira.com/dividendos-recebendo-uma-parcela-do-lucro-das-empresas-2

    Sobre as 3 dúvidas eu poderia te responder mas os colegas aqui vão te responder melhor que eu.

    Uma coisa que eu quero jogar no ar e que muitos não concordem talvez:

    Dividendos não fazem a mínima diferença, é a última coisa que você deve se preocupar na minha opinião.

    A empresa cresce ou distribui dividendos, é tudo patrimônio da mesma forma no final das contas, a única coisa que importa é se a empresa que você investe é boa ou não.

    Empresa ruim que distribui dividendos é pior ainda.

    Empresa boa não precisa nem distribuir, seria até melhor ela reaplicar os lucros e teu patrimônio crescer no ritmo dela.

  32. 32 Leitão

    Oi Becker!
    Boa noite!

    1) No site http://www.dividendobr.com/ tem a agenda de dividendos, mas não se preocupe com datas… São aleatórias justamente para não dar margens para muita especulação… Caem em sua conta corrente da corretora em média 4 vezes por ano, e a melhor forma de aproveitá-los é sendo Investidor, não especulador;

    2) Sim, é possível coincidir, por sorte, datas de pagamento de dividendos durante a posse de papéis em especulação. Mas não conte com isso – será um extra eventual por sorte mesmo… Se tentar comprar só para receber dividendos será perca de tempo, não vá nessa…

    3) Dividendos são pagos regularmente por empresas de qualidade, lucrativas. Quais? Terá que aprender a selecioná-las, a partir de seus fundamentos – não é nada complicado não.
    Não adianta eu dizer uma lista de 10 boas pagadoras de dividendos hoje, depois, o que vai fazer? Como saberá se a qualidade está se mantendo? Como vai decidir continuar ou não sócio da empresa? Para isso preciso de mais tempo junto a meus alunos…

    O Thiago fez um comentário bom, mas pode dar mal interpretação… vou comentar: dividendos são importantíssimos sim, em última instância é o indicador, junto com os lucros, que fala da qualidade da empresa. Mas sim, o que importa é a qualidade da empresa como um todo, e não somente o indicador de dividendos… Por exemplo: Eletrobrás tem bom dividendo às vezes mas é um fumo de empresa para se tornar sócio… com disse antes, primeiro tem que aprender a escolher as boas empresas e manter seu olhar sobre elas ao longo dos anos…

    Abraço!
    Leitão

  33. Ola, Leitão!

    À respeito de dividendos:

    E se a ação cair cair cair cair e daqui a 20 anos os dividendos não der nem pra pagar um cafézinho? Existe essa possibilidade?

    Abraço.

  34. 34 Luis Fernando

    Leitão

    Ano passado participei do seu curso. E realmente foi nota 10. Durante o curso você explica que tem vários tipos de investidores. Assim me classifico como um investidor dedicado por eu ter SACO de fazer uma analise nas notas explicativas (NE) e como sou formado em Contabilidade isso me facilita em entender melhor os demonstrativos (Balanço, DRE, NE).
    Dessa forma estava olhando a ELET6 e vi que ela distribui obrigatoriamente JCP independente de ter tido lucro ou prejuízo. O valor é fixo em R$ 1,69 descontando o IRRF você recebe R$ 1,45 por ação.
    Quando me deparei com isso ela valia R$ 6,30 isso é um DY de 23%.
    Assim mesmo com seus problemas ela poderia ser uma ação para ter em IG????

  35. 35 Bruno Bartolomasi

    Fala Leitão! beleza?
    É a primeira vez que eu comento algo aqui, o Buteco tem sido de grande ajuda, o pessoal lá é alto nível! Estou escrevendo aqui pois não tem nenhum tópico sobre isso lá e eu não estou afim de abrir um, rsrs.

    No curso tu fala sobre 2 tipos de investidores, os sossegados e os mais esforçados, aqueles que querem aprender tudo nos detalhes, pois bem, eu acreditava ser do primeiro mas agora vejo que sou do segundo tipo e queria saber se tu poderia me ajudar.

    Pela minha carreira (pianista) eu acabo tendo bastante tempo livre o que me permite estudar bastante e, desde o final do curso, já estudei bastante mas estou travando em algumas coisas e não sei bem por onde ir. Seguem as minhas dúvidas:

    1- Como eu faço para entender profundamente o negócio de uma empresa? Ex: Se eu quero entender bem o negócio dos bancos, ou das construtoras e etc, por onde eu devo ir? Como chegar nos miúdos de cada área e de cada empresa?

    2- Apesar de entender o básico, eu não consigo entender tudo em uma declaração de resultados, aonde eu posso estudar para entender bem essas coisas?

    Eu até estou considerando entrar em uma graduação em economia, não para ser minha profissão, mas por hobby mesmo, graças a Deus hoje eu tenho essa liberdade, mas quero aprender um pouco mais sobre o curso pra saber se vale a pena ainda :P

    Grande abraço!

  36. A provocação que faço: Apple nunca distribuiu dividendos e quem comprou la atras ta rico. É como ter um imóvel e ao invés do inquilino te pagar aluguel ele ir construindo benfeitorias no seu terreno qur agregam mais ao imóvel do que se voce pegasse esse valor de aluguel em dinheiro.

  37. Bruno um curso de tecnico em contabilidade é mais rapido e mais proveitoso que um de economia pra entender demonstrativos de empresas. O RI das empresas também é ótima fonte de consulta e ajuda também a você saber se a governança da empresa é boa. Empresas que respondem bem às perguntas dos minoritarios demonstram que tem uma governança boa em geral

  38. 38 Breno Medeiros

    Oi Geilson Volking,

    Oi Luis Fernando,

    Oi Leitão,

    Gostaria de comentar um pouco sobre os assuntos de Geilson Volking e de Luis Fernando.

    Teoricamente falando, se a empresa comprada tiver qualidade e mantiver os seus LUCROS e o seu Retorno sobre o Patrimônio Líquido – ROE, não importa a cotação da ação no mercado.

    Se a empresa continuar pagando o mesmo volume de dinheiro em dividendos e o preço cair pela metade, o valor dos proventos (dividendo e Juros sobre o capital) em reais pago seria o mesmo, mas percentualmente falando, o DY seria o dobro.

    Considerando que a empresa continue obtendo os mesmos Retornos positivos, o dividendo irá crescer. Neste caso, se o preço cair pela metade, o valor pago em proventos pode ser maior que o pago anteriormente, mesmo a cotação caindo. Assim o DY subiria mais que o dobro.

    Agora se a empresa não tiver ou perder a sua qualidade a coisa muda de figura. Ela não terá como manter o volume pago em dividendos e se por um acaso tentar manter, isso vai acabar refletindo no aumento de sua dívida e/ou na redução do seu Patrimônio Líquido.

    Não é uma política saudável o que a Eletrobrás vem fazendo. A empresa não gera retornos, mas vem pagando altos dividendos para aumentar o caixa do Governo. Quem é pessoa física não adianta nem querer se aproveitar dessa política do Governo, pois isso tudo acaba refletindo no preço, ou seja, você recebe com uma mão e entrega com a outra.

    Abraços!

  39. 39 Breno Medeiros

    Oi thiagosjp,

    O mercado de ações nos Estados Unidos é diferente do mercado brasileiro. Aqui a gente tem que observar a Lei 6.404, de 15 de dezembro de 1976, que dispõe sobre as Sociedades por Ações.

    Dentro de um contexto de normalidade, a empresa é obrigada a pagar dividendo em valor a ser estabelecido pela própria empresa ou em caso de omissão do Estatuto, seguir as definições dos incisos do Artigo 202 da lei já citada.

    Abraço!

  40. exato Breno.. aqui tem essa “obrigatoriedade” mas nao invalida o exemplo que dei… Foi só pra ilustrar

  41. 41 Eduardo Becker Ambrosi

    Bom dia Leitão e Thiago.
    Agora ficou realmente mais claro o assunto dividendos.

    Muito Obrigado

  42. 42 Leitão

    Bom dia, pessoal!

    ————–
    Oi Geilson!
    Se escolhermos empresas lucrativas e bem geridas elas não vão cair, cair, cair não… Observe: é importante separar Preço de Qualidade… Preço é o que você vê nas cotações oscilando o tempo todo, Qualidade são os fundamentos da empresa, lucros. A maioria das pessoas fica olhando só cotações, e as cotações não dizem sobre a empresa….

    Voltando ao seu exemplo, se a Qualidade da empresa começar a se deteriorar, saímos da sociedade, simples assim. Mas se as Cotações caírem, caírem, caírem, mantendo-se a Qualidade, não nos importa em nada…

    Em suma: preço pode cair ou subir, tanto faz. Agora, LUCRO, tem que subir sempre… é isso que importa e é isso que olhamos, simples.

    ———————-
    Oi Luis Fernando!
    Obrigado! E que bom que gosta de analisar… é legal mesmo…

    Sobre a Eletrobrás, o Breno fez um bom comentário (obrigado, Breno… é ex-aluno veterano rsss).

    Ela pode até ser usada como fonte de Especulação nesse sentido… Mas como Investimento não acho legal… Veja: quando nos tornamos sócios de uma empresa estamos confiantes que ficaremos anos e anos com ela, dormindo sossegados, podemos até passar 01 ano fora do Brasil e quando voltarmos estará tudo bem… Dá para dormir tranquilo sendo sócio da Eletrobrás? Penso que não… então, especular com ela, ok, mas ser sócio mesmo, tô fora…

    ————————–
    Oi Bruno!
    A turma lá é fera mesmo, não é?

    Pois é… o melhor lugar para postar essa e outras questões é lá mesmo na turma, assim todos podem participar e se precisar dou um help também… Pode postar lá sem medo, todo mundo ajuda numa boa!

    Mas vamos lá:

    – Como eu falo, você pode ser um investidor super dedicado ou um investidor tranquilo. Um aprofunda mais porque gosta e tem tempo (seu caso), outro é mais objetivo. Cada um na sua mas ambos com bom desempenho.

    1 – Se quiser ser um investidor super dedicado, vai ter que ser dedicado de verdade… se for só meio dedicado não serve… é 8 ou 80. Ou é objetivo e prático ou é tarado estudioso. Dito isso, se quiser dedicar, então acesse cada site de cada empresa, analise detalhadamente cada tipo de negócio, leia todos os relatórios administrativos, fique ligado em todos os fatos relevantes, estude cada setor muito bem e os concorrentes também, estude as vantagens competitivas e as vulnerabilidades de cada empresa… O site de cada empresa é boa fonte, depois poderá ir em busca de mais… A internet mesmo fornece muito material… E depois poderá participar também de reuniões com acionistas, pessoalmente, além de ligar e manter contato com o RI diretamente para tirar dúvidas…

    2 – Contabilidade: você pode fazer um curso técnico de contabilidade ou mesmo buscar apostilas e informações na internet… Cursos técnicos serão mais objetivos, mas se você sente que tem inclinação para economia e negócios, legal, pense bem e se sentir que quer estudar, vai fundo… Economia ou mesmo Administração. O curso de Administração vai dar uma visão mais prática do meio empresarial, talvez até mesmo mais importante do que a visão macro econômica… Mas vai pensando…

    Troque essas idéias lá na turma pois tenho certeza que vai ter muito feedback à respeito: http://leitaoemacao.com/buteco

    ———————-
    Abraços, pessoal!
    Leitão

  43. Prof, o que anda rolando com a Eternit? Algo estrutural? Só vejo as ações caindo. Gostaria de ouvir sua opinião pois é uma das minhas preferidas.
    um abraço,
    Mônica

  44. em 2014 tiveram menos lucros e margens do que vinham tendo nos ultimos 5 anos Mônica, natural o movimento de queda, no mais tem investido em fabricas e diversificação de produtos, resta saber como vai ser o resultado disso. Mas ta longe de ter ficado ruim a empresa

  45. 45 Luis Fernando

    Mônica Pina a Eternit está investindo pesado em imobilizado, olhei nas NE que é em um investimento em estrutura (construção de um patio industrial) juntando 2013 e 2014 soma +/- 80 milhões, por causa disso os índices de endividamento aumentaram e suas margens diminuirão). Esse investimento deve durar ainda 2015 e 2016. E junto com o desdobramento de ações as ações cairão demais. Mas a empresa continua, tendo bons fundamentos, pode ter agora um período mais complicado pelo investimento, porem quando ele tiver terminado e começar a gerar lucro isso vai ser muito bom.

  46. 46 Leitão

    Oi Mônica!
    Bom dia!

    O Thiago e o Luis Fernando já comentaram muito bem (obrigado, pessoal!).

    É isso mesmo… eu também tenho ela em carteira e considero uma ótima empresa, que tem um dos melhores relacionamentos com seus investidores que já vi…

    Um abraço!
    Leitão

  47. 47 Eduardo

    Leitao e Amigos,

    O que vocês achao da GGBR após a divulgação dos resultados?

    Abraços

  48. 48 Leitão

    Oi Eduardo!
    Boa noite!

    Está melhorando gradativamente, mas a gestão da empresa precisa trabalhar bastante para colocá-la no patamar de destaque que tinha passado… Talvez não será nessa gestão da Dilma que isso vá ocorrer :-]… Vamos acompanhando.

    Abraço!
    Leitão

  49. Obrigada pelo feedback pessoal!

    Não sou investidora dedicada, prefiro dar uma geral 1 ou 2 vezes por ano na minha carteira e dessa vez a Eter3 chamou atenção. Não pelo desdobramento, mas pela queda real das ações por isso corri aqui pra saber a opinião de vocês.
    Segundo o site Fundamentus a empresa continua muito bem.
    No Buteco ouvi dizer que um dos diretores (ou alguém fundamental na empresa, não lembro quem) havia morrido e talvez tenha algo relacionado com essa queda. Será?

    Em relação aos investimentos da empresa achei que estão sendo prudentes já que o fantasma do amianto ronda os corredores da empresa e diversificar é uma ótima estrategia de gestão de risco.

    Um abraço a todos!

  50. 50 Alexandre Magno Aouila Goulart

    Meus amigos (e prezado Eduardo Leitão), bom dia!

    Complementando a resposta do amigo Leitão ao Marcos em 24/03/2015, principalmente sobre “…O que posso dizer aos amigos é o seguinte: é bom ter dinheiro e tranquilidade financeira, mas isso não deve ser o foco de nossa vida. Se vier por bem, por merecimento, naturalmente, ok. Mas se colocar o foco de sua vida nisso pode até ficar rico, mas talvez não terá paz…..”, da minha experiência de vida (já estou com 46 anos e 14 anos de bolsa), compartilho com vocês o seguinte: não busquem, em primeiro lugar, o dinheiro em si. Busquem fazer o que gostem, o que tenham como paixão. Parece fala já carimbada, mas é a mais pura verdade (pelo menos foi para mim – inclusive com um negócio muito rentável que entrei mas que não era para mim, não era o meu perfil). Dinheiro é consequencia das coisas que você faz por gostar e ajudar os outros. Acreditem nisso! Tudo que você faz por gostar, que tenha prazer/paixão/amor, as coisas acontecem, o universo (junto com Deus) “conspiram” a seu favor. E o mais importante: acreditar! Se você, lá do fundo do seu coração, não acreditar no que você está fazendo…., há grande chance de não dar certo. Bom, espero, nestas poucas palavras, ter contribuído um pouco. Sucesso e Paz a todos! (e todas!).

    Alexandre Goulart.

  51. 51 Leitão

    Oi Alexandre!
    Obrigado pelo ótimo comentário!

    Assino em baixo! ;-)

    Quanto tempo de vida, dinheiro e saúde mental poderiam ser economizadas se a gente aprendesse isso desde cedo…

    Abração!
    Leitão

  52. 52 JayQuest

    Leitao, boa noite.
    Quais eram seus pensamentos quando ainda estava na ativa, batalhando pra juntar o pé-de-meia antes de entrar na bolsa? Você digamos, vem de família ‘abastada’, da quase extinta antiga ‘classe média ativa’, ou de alguma que teve assertividade nos negócios e investimentos e construiu tudo do praticamente do zero?
    Alguns exemplos de pessoas que já chegaram lá, e hoje vivem por intermédio de seus próprios investimentos passivos (sendo o de bolsa de valores algo que lhes dão prazer e significantemente faz parte de bons retornos), quando vamos conhecer a fundo, vemos que já teve uma condição a qual até possibilitou ‘quebrar’ ou ter alguns prejuízos os quais fizeram com que aprendessem a fazer melhor e bem feito. Por vezes até parece que é um estágio que todos tem que passar algum dia pra realmente aprender o que deve e o que não deve ser feito. Hoje como deu certo, conseguem falar com total naturalidade disso, mas quando estiveram na peleja, queriam era mesmo afundar a cabeça num buraco na terra e não mais aparecer de tanta vergonha.
    Bom qual seria sua experiência sob este ponto?

  53. 53 Leitão

    Oi JayQuest!
    Bom dia!

    Obrigado por perguntar!

    Minha origem é bem simples do ponto de vista material. Meu pai era dono de mercearia de bairro e minha mãe professora, quando nasci minha mãe me disse que não tinha nem água na nossa casa alugada, era uma batalha todo dia.

    Felizmente, do ponto de vista interior, nasci em um berço rico de amor e valores. Meu pai, simples e trabalhador, foi muito dedicado e também muito durão comigo, nunca me deu moleza. Minha mãe, terna e sábia, sempre foi uma luz me conduzindo. Chego até a me emocionar ao escrever isso pois perdi meu pai a uns 10 anos e devo muito a ele.

    Quando meu pai se foi nossa situação era bem complicada. Eu havia saído de casa a alguns anos para trabalhar fora e minha mãe e irmãs ainda moravam em uma casa em construção sem portas e nem janelas, as dívidas haviam crescido tanto a ponto de meu pai perder o controle de tudo, havia falido… Como ele era o chefe de família, eu não podia interferir. Foi uma luta. Na sua ausência tive que tomar a frente das coisas e aos poucos, graças à Deus, foi saneando as contas da família…

    Penso que é na adversidade que crescemos, então não me faltaram estímulos nessa vida.

    Hoje está tudo bem na nossa família, mas o trajeto até aqui não foi ruim, valeu a pena cada pedra no caminho.

    A sociedade atual tem muitas facilidades. Quanto mais conforto e facilidades, mais as pessoas se afastam da Verdade. Achamos que dinheiro, tecnologia, ciência e conhecimento humano nos tornam seres especiais e inteligentes, acima do cosmos. Na verdade, quanto mais nos enchemos de nós mesmos, mais distantes ficamos da Verdade.

    Imagine uma colmeia de abelhas em que cada uma sai de sua colmeia, começa a estudar ciência e fica rica e cheia de conhecimento, nem mesmo mel fazem mais. Mais cedo ou mais tarde essas abelhas vão perceber que algo está errado, que se desconectaram de sua essência, seus imperativos biológicos e existenciais. Assim também é a sociedade atual, cheia de si mesma, mas vazia de sentido por ter se afastado de seu imperativo cósmico. Não fazemos mel, mas nascemos com um propósito sim.

    Vixe! Acho que já falei demais… mas espero que essa Palavra ache algum terreno fértil para crescer… quem sabe :-)

    Abraços!
    Leitão

  54. 54 Alexandre Magno Aouila Goulart

    Prezado Eduardo (Leitão)! Agora eu que assino embaixo o que dissestes. É isso aí meu amigo. Na verdade, o ego é que torna a sociedade assim, infelizmente. Mas a vida é assim, agora felizmente aprendemos com os erros! Sucesso!

  55. 55 Leitão

    Obrigado, Alexandre! :)


Participe! Deixe um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s