CHAT 09 a 15/mar

09mar15

Leia também…

Histórico de Chat’s (muitas dicas!)

Receba um resumo semanal desse Chat, toda segunda-feira...
Mais: Antes e depois  |  Melhores artigos do Blog  |  Chat’s  |  Livros
      RSS dos comentários



62 Responses to “CHAT 09 a 15/mar”

  1. 1 APC

    Olá Leitão.
    Um amigo me mandou a “forma ” dele de investir e gostaria de saber o que vc acha, principalmente o final. Segue: abs
    “- ROE acima dos 20%
    – Margem líquida acima dos 20% (salvo setores que trabalham com grande giro de estoque)
    – Caso seja de crescimento, lucro crescente. Caso seja distribuidora, lucro no mínimo estável.
    – Receita crescente sempre
    – Caixa de preferência maior que a dívida
    – Dívida líquida não superior a 5 vezes do lucro do último exercício
    – Divída bruta não superior ao valor do Patrimônio líquido
    – Patrimônio líquido crescente nas empresas de crescimento, estável nas distribuidoras.
    – Só compro empresa com tag along, 100% quando possível, 80% sendo o mínimo. Ação sem tag along (maioria das preferenciais) não me interessa, compro pro longo prazo e quero ficar do lado dos donos.
    – Demonstrações financeiras de fácil interpretação, nada de rolo, esqueleto no armário etc.
    – Evito empresas com grande intervenção do estado
    – Analiso os fatores citados ao longo de no mínimo 10 anos
    – Não viso empresa de crescimento ou de dividendo, não escolho por conta disso. Apenas identifico quais dos dois tipos se trata a empresa para que eu possa analisar de acordo com suas particularidades…
    – Depois que decido colocar a empresa na carteira, analiso o balanço anual dela depois que fecha para cogitar mudanças. Se continua a mesma coisa ou melhorou, sigo comprando. Se começa a piorar, fica ruim e não melhora, isso ao longo de 2, 3 anos, provavelmente vendo dela até que melhore. Via de regra, se não tenho motivo pra comprar uma ação hoje, é hora de vender ela.
    – Invisto no longo prazo, evito trades, apesar de ocasionalmente tentar alguns. Acredito que fiz um em 2013, dois em 2012. Em 2012 ambos com lucro, em 2013 prejuízo. Evito, mas quando faço sempre com uma fração pequena do capital, geralmente 5%, nunca mais de 10%. De resto, acredito que tenha uma carteira estabelecida já em 2010, com adições de algumas ações, remoção de outras…mas as que estabeleci % alto lá atrás, estou nelas esse tempo todo…
    – Ignoro notícia
    – Ignoro recomendação
    – Etc, posso ter esquecido de citar algo.

    Estabeleço um % a ser investido em cada empresa, baseado na solidez que enxergo nela, e invisto sempre todo mês nas que estão pra trás em relação a esse %. Existem duas formas delas ficarem “pra trás”, a primeira através do aumento do meu capital disponível para investimento, a segunda por conta de variação de preço. Se uma cotação cair muito, minha planilha vai automaticamente me indicar que compre mais dessa ação, afim de fazer ela voltar a representar o % do meu capital total que eu estabeleci inicialmente…”

  2. 2 Leitão

    Oi APC!

    Vixe! Que resenha heim! Ok, li tudo…

    Olha, digamos que seu amigo está com alguns conceitos bons e outros que podem ser aprimorados. Dá para melhorar isso…

    O principal problema é no finalzinho: a Estratégia de Compras. Veja:

    Ele está definindo como critério de compras a oscilação dos papéis na bolsa. Não é o melhor critério pois com o passar dos anos ele corre o risco de alocar demais em determinadas empresas em detrimento a outras. A melhor forma é manter a disciplina de compras FIXAS para todas, baseado no valor de alocação pessoal, e não no valor de mercado. Assim o balanceamento fica legal e cada jogador do time vai receber sempre o mesmo prato de comida. Caso contrário pode ser que você vai engordar o que está ruim de futebol…

    Abraço!
    Leitão

  3. 3 APC

    Imaginei que vc diria isso mesmo,pois as mais sólidas hj podem não ser as mais sólidas amanhã, não é?
    desculpe o texto longo , mas foi como eu o recebí e não gostaria de modificá-lo para não causar diferença na interpretação. abs obrigado

  4. 4 Leitão

    Ok! :-)

  5. 5 Igor Drago

    APC deu uma verdadeira aula agora. Ótimos critérios para seleção de carteira de ações! Parece até que foi aluno do Leitão.

    Complementando a observação do mestre, esse critério de comprar aquelas com % menor que o estabelecido inicialmente, pode ser não servir para compras mensais, mas pode usado bem esporadicamente para rebalancear a carteira quando estiver desequilibrada em alguns papéis.

    A regra geral é distribuir as compras igualmente entre todas.

  6. 6 M. Douglas

    Oi Leitão,
    Pelo que vi você possui uma carteira bem diversificada, me tire uma duvida que tenho….
    Com uma carteira diversificada assim você deve receber dividendos praticamente todos os meses, certo? ou mesmo assim tem algum mês que não caí dividendo algum?

  7. 7 Leitão

    Oi M.Douglas!

    Sim, cai dividendos aleatoriamente todos os meses praticamente. Concentra mais no início e no final do ano, mas é uma confusão de dividendos que dá até trabalho de anotar… rss

    Abraço!
    Leitão

  8. 8 Frank

    Ta mas entao esse cara deve ter no maximo 8 empresas.

  9. 9 Vlad

    As perspectivas econômicas vão piorando dia após dia. A certeza de que os Bancos Centrais de EUA e Europa terão que elevar juros logo e as dificuldades para o governo aprovar as maldades necessárias só nos levam a crer que teremos muitas ofertas ao longo deste ano e (talvez) do próximo. Felizes aqueles que foram com menos cede ao pote da renda variável e souberam manter uma grana na fixa.

  10. 10 Leitão

    Oi Vlad!
    Mais um ponto para a Estratégia de Investimento Gradual!
    Quanto mais disciplinado nela, mais tranquilo. Quanto mais eufórico e desejoso de ser “esperto”, menos sossego…

    :-)

    Abraço!
    Leitão

  11. 11 APC

    IGOR,
    Na verdade eu divirjo deste método em alguns pontos, principalmente comprar a qualquer preço só pq a empresa é boa.Veja quem comprou bastante em 94, 95,2002,2008 e possivelmente estamos pertos de uma bela oportunidade de novo.Particularmente eu mantenho atualmente um percentual baixo em ações( cerca de 10 % do patrimônio total) desde 2011 e sigo em RF esperando um tombo maior, que como mostrado acima SEMPRE ACONTECE.
    VC pode dizer , mas e abev, ciel, lren, wege, entre pouquíssimas só subiram.
    Mas e as tantas outras boas(valor) que já estão ficando com preços convidativos.ETER, WHRL,CCRO,VALE,EZTC,so pra citar poucas.
    Sei que o ibov não é referência boa mas depois de 35% de queda desde o ultimo topo relevante é muito mais fácil achar coisa boa(valor) a um preço justo ou abaixo dele.
    Fazendo um balanço , minha carteira que sobrou desde 2011 perdeu para RF, mesmo se eu somar os dividendos.Então acho que protegí meu capital para comprar ainda mais ações de boas empresas a preços bem convidativos.
    Ps : sei que vou tomar puxões de orelha , mas…
    abs

  12. 12 Leitão

    Hehehe! APC, puxão de orelha mesmo…

    O comentário que acabei de fazer aí em cima para o Vlad se encaixa bem…

    Deixar de comprar e ficar esperando quedas é uma ambição antiga de todos na bolsa. Uma utopia. Teoricamente faz todo sentido, mas na prática não dá certo…

    Vai deixar de acumular, vai perder participação de dividendos, vai ficar preocupado, vai acertar mas vai errar também, e a soma disso tudo acaba dando zero.

    Abraço!
    Leitão

  13. 13 APC

    Ok ,
    Mas não é possível mesclar compras regulares de pequeno aporte com compras pontuais de maior vulto, migrando da RF para RV em empresas de boa qualidade , quando momento se mostrar favorável, sem tentar adivinhá-lo?
    abs

  14. 14 Leitão

    Sim, mas isso é Investimento em Valor, que não se mistura com Investimento Gradual.

  15. Se vc acumula na renda fixa com regularidade vai ter patrimônio. Quem acumula com ações vai ter mais. Mas é decisão individual

  16. 16 APC

    Ok,
    Entendí Leitão é junto mas é separado.rsrsr
    Thiago,
    Entendo seu ponto de vista, mas sua carteira ganhou da RF de 2010 até ontem??
    Se sim devo estar fazendo errado mesmo, pois não adianta ganhar 10% de dividendos e perder na cotação ,no final o montante financeiro é menor que o mesmo valor aplicado em RF , nesse periodo ruim, é claro se vc ampliar os prazos a tendência é outra.
    Mas diminuir em periodos de muita euforia e aumentar em periodos de pânico ampliam o resultado.
    E só pra esclarecer . não acumulo só em RF, mas ela serve para aguardar boas oportunidades(ações ,, imóvies,FIIS, NTBs)
    Mas entendo e respeito e acho até muito mais tranquilo fazer a coisa devagar e gradualmente, mas não é o mais rentável.abs

  17. 17 Casfreork

    leitao, estava analisando a WEGE3, maravilha de empresa, mas ela esta muito caro, fui olhar no segmento, achei a kepl3, vem crescendo os lucros e patrimonio, o que acha ?

  18. 18 Leitão

    Oi Casfreork!

    A Weg é uma beleza mesmo, tenho ela a muitos anos e realmente é uma das melhores da bolsa.

    O fato de estar cara nem sempre é problema, já que ela é uma empresa de crescimento, sempre gerando retornos. Com o passar dos anos vai recebendo cada vez mais dividendos…

    A Kepl já foi motivo de piada no passado. Atualmente está mesmo bem melhor, saiu da lama e está com desempenho recente muito interessante. Pode-se acompanhá-la mais de perto…

    Um abraço!
    Leitão

  19. APC de 2008 pra ca dificil ganhar da RF. Mas a questao toda é, se voce nao vai vender os ativos a cotação nao importa, vc tem mais acoes e mais dividendos ano a ano. Mas depende muito dos objetivos de cada um logico

  20. 20 Pereira Machado

    Não se mistura especulação com investimento. Agora investimento gradual ou investimento em valor depende do grau de conhecimento do investidor.
    Se o investidor sabe avaliar a empresa pode aventurar a realizar o investimento em valor, do contrário se for um zé mane é melhor ficar no investimento gradual.

    Um abraço.

    Pereira Machado.

  21. 21 Leitão

    Oi Pereira Machado!

    Aqui vale a pena uma observação importante:

    Investimento em Valor e Investimento Gradual são estratégias diferentes, mas ambas vencedoras.

    Investimento Gradual é a melhor estratégia para a maioria das pessoas, não porque seja banal ou perdedora, mas sim pela sua praticidade e solidez. A grande maioria das pessoas não tem tempo para ficar analisando detalhadamente cada empresa, e muitas vezes não têm inclinação (saco mesmo) para ficar se dedicando tanto.

    É uma questão de perfil: Um aprofunda mais porque gosta e tem tempo, outro é mais objetivo. Cada um na sua, mas ambos com bom desempenho.

    Quem quer fazer Investimento em Valor não se engane: vai ter que dedicar muuuuiito… Não adianta dar uma de “esperto”. Se quer fazer IV tem que dedicar tempo e esforço, não existem atalhos.

    Um abraço!
    Leitão

  22. 22 Daniel A.

    Acho que para nós é muito difícil entender um cenário real que fez com que nossa bolsa só caísse de 2008 para cá.
    A bolsa só fez subir até 2008. Não lembram que os meios de comunicações viviam dizendo que o Brasil era o país do momento? Que aqui nascia vários milionários a cada dia? Pois então, quem comprou ativos naquela época, pagou por um país espetacular.

    Quando na verdade, o Brasil não era lá isso tudo. E teve o BOOM das Commodity…

    Acho que o momento atual, que estão dizendo que o Brasil vai acabar, oferece uma melhor margem de segurança para investir em ações.

    Lembrem-se de B. Graham!

    abraço!

  23. 23 Leitão

    Bom comentário, Daniel!

  24. O que eu acho interessante, é que você olha pro cardápio do Leitão, e o que você vê ? Empresas que já foram boas, algumas que continuam boas, algumas cíclicas, algumas pouco comentadas (as do cardápio alternativo)…

    Ou seja, tem de tudo, e ele não parece nem um pouco preocupado.. pelo contrário. E ele não gira… só acumula, acumula…

    Imagina num cenário um pouco melhor então…

  25. 25 Leitão

    Oi Thiago!
    Obrigado pelo comentário!

    São quase 10 anos de Blog no ar e todo o histórico está aí, na íntegra…

    E além dessas do cardápio tenho outras também. Só não publico tudo porque dá trabalho ficar atualizando e comentando tudo, mas procuro ajudar no que posso…

    O importante é manter os princípios: diversificação de empresas e setores, seleção de empresas com qualidade, acompanhando ao longo dos anos, alocações disciplinadas, sistemáticas e balanceadas, etc…

    Nesses 10 anos agradeço muito aos amigos aqui, foram anos de crescimento. Manter o Blog durante esse tempo foi e continua sendo um prazer… não tem preço essa troca de aprendizagem diária e essa troca de energia… Ao manter o Blog mantenho uma disciplina e isso me ajuda muito. Aprendo muito mais do que ensino…

    Abraços e obrigado, turma!
    Leitão

  26. 26 APC

    Todos aqui têm o mesmo objetivo.Porém as estratégias podem ser diferentes( e existem muitas)
    Eu preferí vender 70% das minhas ações em 2011, deixei apenas 15% do partimônio, que virarm 10% após baixas nas cotações.Embolsei os dividendos , coloquei a grana da venda das ações na RF e HOJE tenho 60% a mais de grana do teria na parcela vendida das ações.Ou seja 60% a mais para comprar com desconto de 30% que é aproximadamente o que minhas cotações cederam nesse periodo. Ok agora vou escolher melhor minhas ações , pois também concordo que a maioria aqui , não deve ter essa baixa grande nas suas cotações.
    O que eu quero dizer que existem vária estratégias , e ficar fora um tempo é uma delas.
    NÃO ESTOU CRITICANDO DE FORMA ALGUMA a estratégia do IG , e só melhorei meus conhecimentos aqui, MAS a idéia vencedora é sempre a mesma ,acumular ativos para que possam o quanto antes, pagar o seu estilo de vida.
    Grande Abs a todos e sigo de mente aberta , sem fundamentalismos , pois vários caminhos podem o levar ao mesmo destino.

  27. Oi Leitão,
    só passei por aqui para contar que além da minha carteira de ações, que está indo superbem (e devo isso em grande parte ao seu curso), também comecei a ter sucesso operando mini-indice no day-trade através da análise gráfica. Estou estudando muito e sempre fico impressionada com quanto conhecimento que aprendi aqui pode ser transferido para todas as áreas da bolsa.

    Queria comentar também o dilema do APC. Você fez a coisa certa dentro da lógica que você está seguindo, que é contar dinheiro. Dentro da lógica de investimentos, no entanto, conta-se ativos e nesse caso, você diminuiu a sua posição em ativos referentes a atividade produtiva e aumentou sua posição em papéis da dívida pública. O que está acontecendo é que a dívida pública está indo de vento em popa, então o equivalente monetário da dívida também cresce. Se você realmente aproveitar este tempo para estudar os ativos e usar esse dinheiro para adquirir ativos de valor, tudo bem… sua estratégia vai funcionar. Mas se você perder o momento de transferir o dinheiro de volta para algum ativo real, a conjuntura macroeconomica vai cuidar de nivelar seu ganho por baixo, seja através da inflação comum, da inflação de ativos, da flutuação do câmbio ou de pacotes economicos. Veja bem, não estou dizendo que você fez errado; cada um tem um jeito de pensar. Só queria te alertar para a diferença entre patrimonio (ativos) e dinheiro (equivalente monetário de crédito).

    Abraço a todos
    Pietra

  28. 28 Leitão

    Oi APC!

    Sim, obrigado pela contribuição. Eu lhe entendo…

    Vou deixar um comentário a mais para reflexão:

    Imagine uma pessoa que tenha 1.000.000,00 em ações. Um milhão. Para a grande maioria das pessoas possuir uma carteira de 1M é bem considerável. Então imagine ter que ficar atento para vender a maior parte dessa gorda carteira, fazer toda a movimentação e depois esperar para recomprar tudo de novo quando o mercado estiver em baixa. Imagine todo o peso psicológico, comportamental e matemático de fazer isso. Imagine que ficou-se uns 03 anos fora do mercado aguardando a tal baixa… Imagine todos os Dividendos não recebidos por causa disso, os custos de corretagens, os custos com Imposto de Renda, as anotações e controles para esse vai e vem…

    Em fim, quando estamos falando em bolsa de valores estamos tratando de construção de Patrimônio de verdade, dinheiro grande e acumulado ao longo dos anos….

    Fazer movimentações com capital mais baixo é moleza. Mas fazer movimentações bruscas com capital grande, acumulado com muito trabalho e envolvimento pessoal, é outra coisa…

    Esse é o conceito que trago aqui para a reflexão dos amigos que estão nessa jornada. Conceitos de quem já chegou lá… Como diz o ditado popular: “Na prática a teoria é outra… ”

    Abraços!
    Leitão

  29. 29 Leitão

    Oi Pietra!
    Sumida! Que bom vê-la por aqui! E que bom saber que está indo super bem!

    Puxa, deu uma aula de economia agora! :-) Parabéns! Assino em baixo de seu comentário!

    Pietra, não some assim não! Você é uma preciosidade que faz falta lá na turma, apareça e dê o ar da graça lá no nosso humilde buteco: http://leitaoemacao.com/buteco

    Abração!
    Leitão

  30. Oi Leitão, você sempre me encabulando (rsrs). Estou sumida porque estou reestruturando minha vida. Graças à maior liberdade financeira estou investindo em projetos próprios e esta transição é sempre estranha. Precisa olhar o risco no olho, deixar uma rede de proteção pro caso de precisar dar uma voltadinha pra trás… criar coragem… e pular. Então … sei lá… tô meio ocupada (rs). Mas eu sempre tô aqui lendo os posts e quando dá um tempinho, eu escrevo umas linhas.
    Beijo grande
    Pietra

  31. 31 Leitão

    :-)
    Legal! Vai firme! Tô torcendo por você aqui!
    Use o coração como bússola e a cabeça como piloto…

  32. Rapaz… que Chat produtivo.

    Palavras do Leitão e da Pietra agora resumiram muito bem todo meu entendimento sobre investimentos.

    APC, eu concordo com você quanto à questão de existirem estratégias diferentes e a importância de não termos “fundamentalismos”.

    Mas a maneira que você descreve operar me lembra muito a maneira que dizem que o George Soros opera. (dizem porque na verdade a gente sabe muito pouco sobre como cada um desses gênios opera, só o Leitão que é uma alma caridosa e nos ensina aqui e por cursos de boa vontade).

    Acho que a gente tem que absorver bem ensinamentos dos grandes mestres, na medida do possível, mas saber que não podemos querer imitá-los, pois além de serem diferenciados, eles tem muito mais dinheiro.

  33. 33 Casfreork

    Boa tarde, eu estou quase completando a minha carteira rss, fiz o curso acho q em julho agosto de 2014, comecei a investir em Novembro, ja escolhi 10 boas açoes em meu ver, aqui vai outra para uma analise do mestre.
    oque acha de NATU3? menor valor nos ult 52 meses, chegando perto da cotaçao historica de 2010-11, tem divida muito alta e bons indicadores, gostaria de sua opniao.

  34. 34 Leitão

    Oi Casfreork!
    Boa tarde!

    NATU3 é interessante sim. Inclusive a turma está discutindo sobre ela essa semana, por iniciativa do amigo Humberto… Visite o buteco e veja: http://leitaoemacao.com/buteco

    *Dica: Visite sempre que possível a turma, pesquise, leia o folhetim, etc… é boa fonte de estudos contínuos…

    Ah! Obs.: 10 empresas é o mínimo, mas é muito bom 20 ou mais… diversifica mais…

    Abraço!
    Leitão

  35. 35 Anônimo

    Leitão, o que acha de LIGT3? Pode postar uma análise gráfica dela?

  36. 36 Leitão

    Oi Anônimo! (Você esqueceu de dizer seu nome ou nickname)

    Não gosto da LIGT3…. Desempenho bem inconstante. Nesse setor tão bom temos opções melhores…

    Um abraço!
    Leitão

  37. 37 Anônimo

    Ok! Obrigado!

  38. 38 APC

    Bem vejo o mercado como um pêndulo que vai do otimismo extremo ao pessimismo extremo também. E sempre exageram nas duas pontas.
    Quando vem o otimismo os ativos reais ganham de lavada e quando vem o pessimismo estão ganhando os juros , inflação ,dolar( os guarda-chuvas)
    A questão toda é saber identificar aonde estamos nessa trajetória, o que realmente é muito difícil ,e se errar vai ganhar menos na RF.
    Mas depois de uma alta de 2003 a 2008 e o resto do mundo atingindo novos topos enquanto a gente patinava, já em 2011 achei que seria o momento, poderia ter errado , claro não tenho bola de cristal,mas o preço era proteger o que já havia ganho e não era pouco, arriscando ganhar menos.
    Agora acho que estamos , no pessimismo caminhando para o exagero,(outras pessoas podem achar que já exagerou- se demais, por isso a dificuldade de se localizar), então minhas orelhas estão em pé. E vou começar lentamente de novo , se vier uma correria geral,aloco mais pesado.
    Agradeço enormemente me ajudar a separar o joio do trigo , pois vai me ajudar bastante. Veja , somente estratégia diferente , mais nada. abs

  39. 39 Leitão

    Oi APC!

    Legal, o importante é aprendermos juntos.

    Vou aproveitar o tema para resgatar conceitos importantes… Você disse: “vejo o mercado como um pêndulo que vai do otimismo extremo ao pessimismo extremo”.

    Essa visão é de Especulador. O Investidor não vê o mercado como um pêndulo, vê o mercado como forma prática e sistemática de ser sócio de empresas de grande porte. Sócio é sócio, cresce junto, enfrenta os desafios junto. Entrar e sair de papéis não é ser sócio, é ser especulador.

    Reforçando conceitos: Sócio de boas empresas / Comerciante de papéis.

    Podemos fazer as duas coisas bem feitas, desde que bem separadas. E os resultados de cada um também serão distintos. Lucro rápido e pontual X crescimento patrimonial.

    Abraço!
    Leitão

  40. 40 Daniel A.

    Leitão,

    Vc já foi forista? Já participou de fóruns e foi expulso em muitos deles por pregar contra o que os “donos” diziam?

    O que um pequeno investidor deveria fazer se de repente percebesse que os donos dos fóruns ganham muito dinheiro com produtos e quase nada com investimentos?

    Vc, por exemplo, vive dos investimentos. Mas tem uma porrada de gente que vive até de cobrar para ser membro em fóruns.

    Como é que um leigo terá chances em um universo desses?

    Bom final de semana!
    abraço!

  41. 41 Leitão

    Oi Daniel!

    Bem observado!

    Esse problema é velho, desde meus tempos de iniciante isso já existia. E causa muita perda de tempo pois o iniciante acaba entrando por caminhos errados… Eu fui muito prejudicado por isso também.

    Hoje em dia é um mercantilismo geral. Tudo é vendido. Muitos não dão sequer um bom dia para alguém se não tiver segundas intenções por trás…

    Até a fé das pessoas está sendo mercantilizada. A sensação é de que o dinheiro é o objetivo maior por trás de tudo.

    Nesse mercado da bolsa de valores você vai encontrar todo tipo de mercantilismo: vendedores de livros, de cursinhos, de DVDs, de serviços, de consultoria, de assinaturas por e-mail, de fóruns, etc, etc… Não caia nisso!

    Apesar de salvar uns 10% honestos, 90% é lixo mesmo. O difícil, para o iniciante, é saber filtrar. Isso é um problema mesmo.

    Não tem jeito, aprende-se a filtrar com o tempo mesmo. Use o bom senso: se sentir que por trás de alguma coisa está mais o mercantilismo do que a boa vontade, desconfie….

    Um abraço!
    Leitão

  42. 42 Summerholt

    Olá Daniel !

    Um leigo não tem chance num lugar deste nem em lugar algum, cara.

    Muito difícil, em geral, fazer as pessoas pensarem sobre investimentos, e fazer com que pensem de forma clara e objetiva é ainda pior.

    Desconstruir um hábito não é impossível, mas é pouco provável que ocorra. E passamos toda a nossa formação sendo preparados para pensar da pior forma possível.

    Quem sabe na próxima geração…

    Grande abraço à todos.

    Summerholt.

  43. 43 Jeronimo

    Leitão, notei que você retirou ações do seu cardápio como POMO4, etc. Essa decisão foi tomada por conta de uma reanálise?

  44. 44 Leitão

    Oi Jeronimo!

    Não retirei não, é que eu não havia incluído ela no meu. Tenho várias que não publico aqui porque dá muito trabalho ficar atualizando e comentando todas…

    Ela continua na carteira.

    Abraço!
    Leitão

  45. 45 Jeronimo

    Valeu, Leitão!
    Abraço!

  46. 46 Jeronimo

    Mais uma pergunta! Quando vc cita investimento, vc diz que devemos formar um patrimônio e isso significa não se desfazer de forma alguma das ações, mesmo quando o ativo está testando resistência, lá em cima?

  47. 47 Leitão

    Oi Jeronimo!

    Para fins de Investimento a gente tem objetivo de acumular sempre mais e mais e participar do crescimento e com isso ir recebendo mais e mais dividendos com os anos. A gente não quer sair de empresa que paga dividendo e/ou cresce.

    A gente só sai de uma empresa se os Fundamentos financeiros piorarem, se ela pisar na bola… Não saímos só porque subiu ou porque caiu.

    Esse conceito é importante.

    Diferentemente da Especulação, em que compramos com objetivo de auferir lucro o mais rápido possível, sair o quanto antes. Subiu com luco x%, vendemos. Por isso devemos separar bem o que é Investimento do que é Especulação.

    Um abraço!
    Leitão

  48. 48 Gabão

    Chat SENSACIONAL! !!!!!!!!

  49. 49 Daniel A.

    Gabão, acostume-se! :-)

  50. 50 Leitão

    :-)

  51. 51 APC

    Leitão,
    Existe o conceito de especulador de longo prazo?? O que fica anos comprado esperando o exagero para vender??abs

  52. 52 Leitão

    Oi APC!

    Não. Existe o conceito de Especulação em Valor, que é uma variante de Investimento em Valor…

    Mas o buraco é mais em baixo…

    Abraço!
    Leitão

  53. O mais legal eh ver que na midia, o mundo ta “caindo aos pedacoes”, dolar disparando, investidores externos fugindo do Brasil, IBOVESPA “despencando”, como diriam alguns experts, e aqui no Blog, povo ta discuntido contrucao de carteira.

    Eh isso ae. Parabens ao Blog. Quem vive de emocao na bolsa, perde a razao.

  54. 54 Marcelo

    Boa tarde Eduardo,
    Gostaria de sua opinião sobre a Klabin e a Suzano.
    Pois estou com intenção de colocar uma das duas em carteria.
    A Klabin é da região onde meus pais moram, e o crescimento dela é espantoso, gera renda direta e indireta para uma região enorme do paraná.
    Abração.

  55. Marcelo, existem empresas que sao otimas para se trabalhar, otimas para a região, para a saude das pessoas, tem produtos de grande qualidade, mas sao pessimas para o acionista minoritário. Nao to dizendo que é o caso dessas, to só lancando a ideia. A Sousa Cruz que fabrica cigarros é pesssima pra saude dos clientes mas era ótima pro bolso dos investidores minoritarios, só pra dar exemplo.

  56. 56 Luiz Augusto

    Mestre Leitão e meus amigos,
    A Souza Cruz já oficializou a OPA dos ativos? se não, é melhor esperar sair o pronunciamento oficial ou cair fora agora?
    Abs

  57. 57 Leitão

    Oi Tiago!
    Valeu!

    A melhor forma de fazer as coisas direito é não se deixar contaminar pela urucubaca da massa hiper conectada… O povo anda muito depressivo e negativo, isso contamina.

    Ultimamente só ligo a TV para ver a rede Novo Tempo, só acesso Facebook sobre jardinagem, decoração e literatura, não vejo nada no meu feed, não leio e nem vejo nada que seja negativo. Falou que é negativo, tô fora. Falou que é positivo, tô dentro!

    Essa urucubaca negativista é pior do que a febre chikungunya. Temos que evitar que entre em casa… :-)

    ————————————–
    Oi Marcelo!
    Esse setor é meio fraco… A Suzano é ruim, a Klabin dá para olhar mais de perto… Veja com calma e evite empresa com histórico de lucros ruins. Se não achar coisa boa em um setor, procure em outro…

    Essa coisa de “empresa grande” é relativo… Muitas empresas são grandes, constroem grandes fábricas, etc, etc… mas o que vale, para nós investidores, é gerar valor, dar lucro. Tamanho não é documento, desempenho é que é. O Tiago comentou bem…

    ————————–
    Oi Luiz!

    Não sei dizer pois não estou acompanhando de perto, não tenho ela em carteira.

    Sempre que surgir notícia de fechamento de capital aguardem até que tudo esteja bem definido pela companhia. Usem o site RI da companhia para ter informações certas direto da fonte e se necessário podem ligar pessoalmente no telefone do RI para ter certeza e manter-se sempre bem informado…

    Depois que tudo estiver devidamente confirmado, aí sim você pode aguardar a aproximação da data X e começar a vender… Não deve-se deixar para a última hora pois no dia X da OPA pode ter stress, mas também não deve-se antecipar demais…

    ————–
    Abraços, pessoal!
    Leitão

  58. 58 Daniel A.

    Bem comentado, Leitão. O pessoal anda muito pessimista. No face então…
    O que justifica esse excesso de tristeza? Seria o que muitos filosofos alemães chamavam de espirito do tempo?

  59. 59 Gabão

    Leitão o que você achou do resultado anual da CCR?

  60. 60 Leitão

    Oi Daniel!
    “A boca fala do que o coração está cheio” (Mt 12:34). Então o buraco é mais em baixo… Se a gente não buscar, deliberadamente, o que é bom, o que é mal vai acabar nos contaminando…

    ————————-
    Oi Gabão!

    Foi bom, ainda mais nesses tempos de vacas magras e loucas :-)

    ———–
    Abraços!
    Leitão

  61. 61 Amarildo

    Puxa!! Fazia algum tempo que não passava por aqui, ando mais conectado no Buteco.

    Grandes ensinamentos com as contribuições dos colegas do blog.

    Para mim a coisa mais difícil foi e tem sido dominar as emoções nativas muito bem definidas pelo Leitão. Como sou muito ganancioso levei várias pauladas até fazer o curso do Leitão e mesmo assim, levei um tempo para por em prática os novos conhecimentos.

    Atualmente entendo que investir em ações é a melhor opção para mim, além de ter investido em imóveis e previdência privada.

    Li toda estratégia do APC e as contribuições dos colegas, e em minha opinião o mercado de ações sempre terá variações, mas é uma delícia assistir meu time jogando, pois tenho jogador que não vai tão bem, enquanto outros estão dando um show e no final do campeonato ganhamos.

    Não tenho dúvidas de que ter DISCIPLINA é fundamental para obter sucesso nos investimentos.

  62. 62 Amarildo

    Como fiz e acompanho minha seleção de empresas para investir.

    Selecionei os principais indicadores de sucesso das empresas, tais como: Lucro, Margens, ROIC, ROE, dívida, geração de caixa, dividendos etc…

    Estabeleci um valor mínimo ideal para cada indicador e se a empresa atinge tal objetivo ela marca um ponto em cada item, em seguida analiso as empresas com a maior pontuação, ou seja, aquelas que produzem os melhores resultados no conjunto dos indicadores ao longo dos anos e crescente.

    Outra premissa que me acompanha é olhar mais de perto as empresas que produzem produtos ou serviços pelos quais a população não consegue ficar sem eles, EX: energia.

    Abraços aos colegas do blog.


Participe! Deixe um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s