Ratos e baratas…

13jan15

O depósito estava uma bagunça! Já na primeira caixa uma ratazana enorme pula e sai pelo telhado. Algumas caixas depois encontro o ninho e a “ratatui” toda, acompanhada de baratas e mais baratas…

Meu cunhado estava precisando de espaço, então topou me ajudar com a limpeza do depósito. O ano inteiro acumulando bagunça, restos de materiais, móveis velhos que sobram das mudanças, ufa… Enchemos uma caçamba inteira com descartes. O depósito ficou limpinho e valeu a pena!

Nos investimentos, uma coisa que aprendi com o tempo é que faz um bem enorme dar uma pausa anual e fazer uma verdadeira higiene mental. Ficar algumas semanas ou até meses sem assistir telejornais, sem acessar a Internet, nem ler sites com notícias, nem revistas, nem nada relacionado à bolsa, à economia, ao mundo se possível…

Foi o que fiz mais uma vez nesse final de ano: fiquei desligado de tudo. Hoje, arrumando o depósito, um conhecido passa na rua e puxa assunto: “- Leitão, você viu que coisa horrível o atentado lá no estrangeiro? E a Petrobras, viu como a coisa tá feia?” – Eu disse que não sabia de nada e fiquei concordando com tudo que ele falava só pra não render assunto. Percebi que não estava perdendo nada de útil mesmo, havia mais ratos e baratas nos noticiários do que no meu depósito…

Limpar o depósito não foi fácil, mas, hoje em dia, difícil mesmo é fazermos limpeza na nossa cabeça…

Mas é questão de decisão e postura. Dá pra fazer!

Não estou falando de férias, viagens… Não adianta mudar de lugar e levar os mesmos hábitos. Tem que mudar a forma de pensar.

Desligue-se. TV é fácil, é só não ligar ou, se ligar, não veja telejornais – tente ver um filme ou um documentário sobre a vida animal na África, é relaxante :-)… Internet, facebook e demais, desligue. Celular, deixe na gaveta a maior parte do dia e não retorne ligações nem mensagens…

Pode até lhe dar “crise de abstinência” nos primeiros dias, mas persevere! Você vai ver como é bom ficar livre do “lixo-informacional” que você recebe todo dia…

Assim evita ratos e baratas na sua cabeça…  Para investir bem é preciso manter a mente limpa, a coisa simples, a disciplina. Se você se poluir demais, vai acabar investindo mal, minando sua capacidade de decisão… Ao contrário do que muitos pensam, nem sempre estar mais informado é melhor… Muitas vezes estar mais tranquilo e sóbrio, é melhor.

Abraços e um ano novo de ótimos investimentos!

Eduardo Leitão
———————
Quer comentar? Alguma dúvida? Deixe uma mensagem…

Veja também…

Como seria sua vida caso tivesse R$ 3,6 milhões?

Você sabe exatamente como anda o desempenho de sua carteira de ações?

Os sentimentos das pessoas nas diversas fases da bolsa…



9 Responses to “Ratos e baratas…”

  1. 1 André Tafner

    Ótimo post mestre … reflete realmente a realidade que estamos vivendo …

  2. 2 Leitão

    Valeu, André!

    Esse excesso de interconexão do mundo atual é um problema. As pessoas até adoecem de tanta informação… A solução é simples: sair da manada…

  3. 3 Anônimo

    Leitão e amigos. Um ótimo 2015 para todos. Em outros comentários você falou sobre a Gerdau, que estava com fundamentos ruins. Parece que a empresa andou fazendo umas “limpezas”, o que melhorou a expectativa de bons resultados, etc… sua opinião mudou com relação à ela ? abraço.

  4. 4 Ana

    Oi Leitão! Bom ano pra todos nós!
    Já tive essa sensação de abstinência e no fim, de ver que nem estava perdendo nada, além de tempo vendo coisas inúteis, claro.
    Aguardando ansiosamente o curso!! :D
    Abraço,

    Ana

  5. 5 Leitão

    Oi “Anônimo” (você esqueceu de dizer seu nome ou nickname) :-)

    A Gerdau continua com desempenho fraco, infelizmente. E como não podemos tomar decisões em cima de “expectativas”, futurologia, então por hora continua na geladeira… Dá para investir em empresas melhores nesse momento. Mas isso não impede de dar uma especulada rápida, se for o caso (mas sempre cada coisa bem separada).

    —————————
    Oi Ana!

    Pois é, vamos estudar sobre o comportamento de massa e você vai ver como é importante mantermos uma postura singular, evitando a manada… inclusive em outras áreas da vida. Hoje em dia, com a hiperconectividade, vejo muita gente se comportando como gado, andando em fila de cabeça baixa sem reparar ao seu redor…

    ————
    Abraços!
    Leitão

  6. 6 Edu

    aquilo estendido no varau é cerebro ??

    rsrs !!

  7. 7 Leitão

    Oi Edu! Rsss… desenho tosco né! :-)

  8. Bom dia Leitão e leitores do blog,

    Muito animado pela volta dos posts e das conversas diárias sobre investimento.
    Esse post me fez refletir um pouco sobre o excesso de informação que nos bombardeia todos os dias e o quão dificil é separar as boas notícias das ruins… agora imagino nossas crianças cada vez mais “antenadas” ao mundo através dos tablets e smartphones, crianças que não sabem o que fazer quando um amigo, tio, pai, avô entrega para elas uma bola, uma boneca ou um carrinho…
    Não acho ruim o avanço tecnologico…até porque trabalho na área…mas assim como na bolsa, acabamos sempre nos afobando, achando que sabemos demais, achando que as notícias que chegam até nós são sempre revisadas, autênticas e de fonte confiável…

  9. 9 Leitão

    Oi André!
    Bom dia!

    Pois é… gosto de refletir sobre essas coisas… lidar com investimentos nos obriga a parar e pensar, analisar, entender e tomar posições. Esse hábito é bom em tudo na vida.

    Vivemos em cultura de sociedade de massa. Então, uma regra simples e interessante é: “Se todo mundo está fazendo de um jeito, tente pensar de outro jeito.”

    Sem isso acabamos momo manada…

    Abraço!
    Leitão


Participe! Deixe um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s