Setor de construção: ETER3, EZTC3 ou MRVE3?

14ago13

Veja outros posts sobre esse tema...

Olá, queridos amigos!

Hoje tive uma ideia e quero fazer um teste, para ver se dá certo. É o seguinte:

Na minha turma de ex-alunos temos um belo fórum de discussão (O Buteco da Turma) e, diariamente, é gerado um conteúdo de muita qualidade! São dúvidas, questões, análises… Informações super diversificadas sobre bolsa e sobre investimentos de forma geral.

Um teste que quero fazer é o seguinte: eventualmente vou pinçar algumas das boas mensagens que surgem por lá, editar e publicar aqui no Blog para todos.

Como disse, é um teste. Talvez gostem, talvez não… Então vamos lá:

A primeira mensagem é do amigo Luiz Alvim, comentando sobre o setor de Construção. Obrigado, Luiz!

————————————————————–
Autor: Luiz Alvim

Tópico: ANÁLISE FUNDAMENTALISTA – Em: ETER3, EZTC3 ou MRVE3 ?

“Olá, Turma!

Vou dar a minha opinião sobre as três empresas que o Raul nos pediu:

EZTec e MRV são construtoras e incorporadoras que atuam no segmento de construção civil. Como são do mesmo setor, podem ser comparadas sem problema algum. Já a Eternit é uma empresa de materiais de construção e embora haja uma ligação lógica entre os dois setores, eu creio que não seria muito adequado compará-la com as duas primeiras. É um caso à parte.

Particularmente, não gosto muito do setor de construção civil, pois ao longo de vários anos nunca tivemos na bolsa uma empresa que pudéssemos dizer que fosse boa para valer e com excelente desempenho no longo prazo. Ao contrário, tivemos alguns casos de empresas  “fogo de palha” que tiveram períodos bons mas depois acabaram caindo muito ou passaram por períodos de turbulência. 

EZTec e MRV são, para mim, as duas melhores empresas deste setor, embora existam diferenças importantes entre as duas. Ambas estão há relativamente pouco tempo na bolsa, alguma coisa em torno de cinco anos. Resumidamente é o seguinte:

MRV – Atua mais focada nos segmento de baixa renda (imóveis mais populares) e está presente na grande maioria dos estados brasileiros, sendo uma das principais empresas envolvidas no programa “Minha casa, minha vida” do governo. Isto vem alavancando muito o seu crescimento, e a sua receita líquida foi multiplicada por quatro nos últimos cinco anos, o que é muito bom. O lucro também acompanhou. A empresa trabalha com certo nível de endividamento, o que não chega a ser um problema.

EZTec – Atua na construção de imóveis comerciais e residenciais, focada no segmento de média e alta renda localizados na região metropolitana de SP, mercado mais rico do país. A empresa, embora seja menor do que a MRV,  tem  um histórico de crescimento de receita e de resultados excelente e vem alcançando uma margem líquida em torno de 40% nos últimos cinco anos. É um indicador fantástico, que poucas empresas de qualquer setor conseguem obter. Embora ambas sejam boas empresas, se eu tivesse que escolher uma, ficaria com a EZTec, sem dúvida alguma.

ETERNIT – É uma excelente empresa e reúne boa parte das características positivas que um investidor  gostaria de ver nas suas empresas. Tem um histórico razoavelmente longo na bolsa e vem apresentando um crescimento muito consistente de receita, de lucros e, principalmente, de remuneração aos acionistas (dividendos).  A ETER3 está na carteira de muitos aqui da nossa turma, inclusive na minha, mas existe um risco que ronda a empresa, que precisa ser dito: a matéria prima principal dos produtos de fibrocimento da Eternit, que ainda é o carro chefe dos seus produtos, é o amianto crisotila. A empresa possui uma mina em Goiás de onde o amianto é extraído tanto para ser utilizado nas suas fábricas, como também para ser exportado para vários países. Acontece que alguns estados brasileiros proibiram a comercialização e o transporte do amianto em seu território alegando que o produto é prejudicial à saúde das pessoas, e isto se transformou numa disputa jurídica que já se arrasta há alguns anos. Se você entrar no site de RI da Eternit, vai encontrar lá muita informação sobre este assunto, que é tratado com muita transparência pela empresa.

Turma, espero que estas informações possam lhe ser úteis na sua tomada de decisão.

Grande abraço,

Luiz Alvim”

—————————————————————-

Bem, então esse é o post de experimentação. Se gostarem, posso trazer mais coisas legais lá da turma aqui para o Blog (comentem, por favor!).

Abraços e bons investimentos!
Leitão
——————————————

*Quer comentar? Alguma dúvida? Deixe uma mensagem…

Leia também…

Carteira de Ações é como um time de futebol

Operando Micos…

Os sentimentos das pessoas nas diversas fases da bolsa…

Copyleft - Compartilhe! É livre! Envie para seus amigos...


32 Responses to “Setor de construção: ETER3, EZTC3 ou MRVE3?”

  1. 1 Li

    Nossa! Texto e análise muito bons, leva o leitor pela mão e explica timtim por timtim.

    Leitão adorei a iniciativa, mas isso só me deixa mais “chateada” por ainda não poder participar da turma do boteco.

    Comentando um pouco sobre o amianto: a empresa sabe de seu problema e o trata com transparência acho que isso é excelente, assim como acho que em breve encontrarão uma solução para isso, uma forma de atenuá-lo, assim como fizeram com o silício (sílica) em outras produções – a de revestimento cerâmico, por exemplo.

  2. 2 Leitão

    Oi Li!
    Obrigado! Que bom que gostou!

    Pois é, só tem feras na turma! Quando puder vir será muito bem vinda!

    Sobre a Eternit, ela é muito transparente e responsável com seus acionistas. Um primor nesse quesito. E os comentários do Luiz são ótimos mesmo!

    Um grande abraço!
    Leitão

  3. 3 Clovis

    Bastante esclarecedor e sucinto. Para quem não tem tempo e paciência para avaliar papéis é de grande ajuda. Obrigado.

  4. 4 Leitão

    Obrigado pelo feedback, Clovis! Valeu!

  5. 5 Breno Medeiros

    Ótima iniciativa!

  6. 6 Wagner Diniz

    Acho que a ETER3 apesar de ser do setor de construção, está mais relacionada a materiais de construção e poderia ser melhor comparada a PTBL3 ou DTEX3.
    Quanto a EZTC3 e MRVE3, a primeira se destaca por ser a única (sim, eu disse a única) do setor que não busca alavancagem, fator primordial de escolha.

    Abraço

  7. 7 Clari

    Obrigado a Alvim e Leitão pela discussão e iniciativa!
    Reforça as minhas razões de ter a EZTEC ( única do setor ) na carteira desde a sua formação. A propósito, encontrar mais de 15 empresas para a carteira é um trabalho de cão ou será eu muito desconfiado?

    Abraços da Bahia
    Clari

  8. 8 Roberto do Rego Cardia

    Muito pertinente a tua iniciativa. Comentários como esse ajudam muito na garimpagem.
    Abraços,
    rrc

  9. 9 Anônimo

    O Luiz Alvim tem observações muito interessantes no buteco do Leitão. Faço parte da turma e sempre que posso leio as análises dos colegas.

    Abraços,
    Neilor

  10. 10 Leitão

    Oi, pessoal! Obrigado! Se gostaram posso trazer mais boas mensagens de lá!

    ———————
    Oi Clari!
    Se filtrar bem vai sobrar pouca coisa na peneira mesmo. Mas umas 20 boas empresa dá para selecionar com tranquilidade… O esforço inicial de garimpo e depois de manutenção valem a pena, nem é tanto assim não…

    Abraços!
    Leitão

  11. 11 Noracir Castilho

    Ótima iniciativa Leitão. Tenho visitado o Buteco, na medida do possível e este seu passo vem de encontro com minhas poucas visitas.Nestas, sempre leio algo do Luiz Alvim (uma autoridade) em seus comentários sempre muito claros. Parabenz, espero que continue.
    Abraco
    Noracir

  12. 12 Vlad

    EZTC é a anos superior no setor, mas não se pode desconsiderar na analise fundamentalista o preço descontado das ações da MRVE. Vejem o P/VP.

    Leitão, não tenho escrito mas tenho acompanhado o site.

    Abraço

  13. 13 Luis Henrique

    Boa tarde Leitão,

    estava um pouco sumido, mais aos poucos vamos tentar voltar com força total.
    Como sempre, você e suas excelentes ideias.
    Continue nos ajudando, valeu e grande abraço.

  14. 14 Daniel

    Bom, felizmente tenho a honra de participar do buteco e ler, em primeira mão, todos os posts da nossa “mesa de bate papos”.. O Luiz já é um velho conhecido, impressionante a disposição que ele tem de ajudar e explicar com tamanha riqueza de detalhes cada assunto que domina. Ele certamente merece um lugar de destaque, juntamente a alguns outros também bastante ativos no fórum. A ideia de partilhar esses post’s no blog é ótima pois atinge mais gente, principalmente por dar crédito aos seus autores. Incentivo aos que ainda não fizeram o curso e aos ex-alunos a participarem ainda mais. Parabéns mais uma vez Leitão.

  15. 15 Márcio

    Professor, teste aprovado!!!

  16. Primeiramente gostaria de parabenizar a análise, tenho eztec e eter em carteira e tanto na parte operacional quanto no tratamento ao minoritario as empresas estão de parabens

  17. 17 Rod

    Boa tarde.
    Ainda não sou ex-aluno mas, pretendo ser e achei a sua idéia ótima.
    Essa mensagem/comentário é bastante importante para todos, uma vez que o ex-aluno que opina, tem um conhecimento maior sobre as empresas. Parabéns. Aguardo os próximos comentários, enquanto eu não sou ex-aluno.

  18. 18 Leitão

    Oi pessoal!
    Valeu! Que bom que gostaram! Então vou trazer mais depois… Tem muita coisa boa lá!

    E que bom que os sumidos estão voltando! Apareçam sempre na turma!

    Valeu, turma!
    Leitão

  19. 19 Osmar Severo

    Leitão, você está sempre inovando. Parabéns por mais essa iniciativa. quanto ao Luiz, sempre que posso leio os comentários dele no buteco. Lá, no buteco, tem muitas feras.
    abs,
    Osmars.

  20. 20 Amarildo Fidelis

    Olá Leitão.

    Adorei muito da sua idéia, este artigo sobre a construção civil vem de encontro com meus interesses pois invisto na ETER3 e na MRVE3, gostei da dica sobre a EZTec.

  21. 21 Leitão

    Oi Osmar! Valeu!

    Oi Amarildo! Legal!
    Dica: Diversifique setores também, às vezes não é legal ter várias empresas do mesmo setor… OU, se quer ter várias de um mesmo setor, divida proporcionalmente o aporte entre elas, mantendo um balanceamento por setores entre a carteira como um todo…

    Abraços!
    Leitão

  22. 22 Rafael Melo

    Parabéns Mestre Leitão e Luiz Alvim. O Luiz é um dos feras do buteco da turma, gosta de análise fundamentalista e seus comentários são sempre muito enriquecedores. Por isto Mestre, nosso buteco sempre tem comentários e análises de alto nível, e tem muitas outras feras lá, mas não vou citar nomes para não cometer a injustiça de deixar alguém de fora, além do que os assuntos são variados. Por isso mesmo, o espaço é muito democrático com os butequeiros mais experientes ensinando naquilo que podem e sempre respeitando a opinião alheia. Parabéns aos Mestres Leitão e Alvim.

  23. 23 zeca

    Gostei da iniciativa de ambos. . . Leitão e Luiz Alvim. Parabens.

  24. 24 Leitão

    Legal, Rafael! Valeu! São todos feras mesmo!

    Obrigado também Zeca!

    Que bom que minha ideia foi bem aceita! Valeu!
    Leitão

  25. 25 André

    Texto de ótimo conteúdo e estrutura. Parabéns a Luiz e Leitão. Esse boteco deve ser quentíssimo, mesmo. Quando estiver numa fase menos atarefada farei o curso e continuarei a formação naquele ambiente de tão boa qualidade.

  26. 26 Leitão

    Oi André!
    Obrigado! Quando animar venha mesmo para a turma!

    Grande abraço!
    Leitão

  27. 27 Rafael Extra

    Wagner Diniz, poderia discorrer mais sobre a alavancagem? E como ela aconteçe neste setor?

  28. Gostei da analise “a la Leitão” Luiz! Digo, sem aquele monte de linguajares difíceis de entender e indo direto ao ponto importante ;-)

    Tenho Eternit e Eztec na minha carteira de IG e estou muito feliz com as 2. Lucro, transparência, respeito com acionistas, governança e resiliência são alguns dos adjetivos que procuro nas empresas em que invisto e essas 2 estão aprovadas!

    Quanto as questões do amianto, não me preocupo porque não é minha área, e como não entendo nada de amianto mesmo, tento me proteger investindo em outras empresas lucrativas e prosperas, dividindo meu risco ao longo dos anos. Afinal qual é a empresa que não tem um calcanhar de Aquiles ou que não passa por momentos difíceis?

    Prof, adorei saber que aqui no blog terão posts garimpados lá do buteco. Quero acompanhar TODOS!

    Um abraço pessoal!

  29. 29 Leitão

    Oi Rafael!
    Alavancagem financeira é quando uma empresa usa recursos de terceiros (empréstimos/dívidas/etc) para crescer.

    Quase toda empresa precisa disso, precisa se alavancar para crescer. O problema é quando isso torna-se demais, aí fica um crescimento artificial, movido à endividamento. Por isso, ao analisarmos uma empresa, ficamos de olho em seu endividamento para ver se não está ficando demais…

    ——————————
    Oi Mônica!
    É isso aí! Investimento de forma segura e madura, como sempre! Minha ex-aluna mais aplicada! :-)

    Que bom que gostou! Depois vou pinçar mais coisas boas lá…

    ———
    Abraços!
    Leitão

  30. 30 Azenha

    Leitão, ótima iniciativa!

  31. 31 Carlos E. R. Felder

    Ótima iniciativa professor!!!
    Continuo acompanhando o blog, o buteco e essa iniciativa vai facilitar muito a nossa vida e as discussões.

    Forte abraço e parabéns!!!

  32. 32 Leitão

    Oi Carlos!
    Valeu!

    Apareça sempre lá na turma! O conteúdo do Folhetim está fantástico… Crie sempre o hábito de ler o folhetim semanal e também mensal…

    Abraço!
    Leitão


Participe! Deixe um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s