CHAT 28/jan a 03/fev

28jan13


19 Responses to “CHAT 28/jan a 03/fev”

  1. 1 Alex

    Há mais de um ano acompanho as dicas e essa é a primeira vez que participo do chat. Gostaria de saber sua opinião sobre a Cmig4: ela rompeu topos imediatos, mas retornou. Qual sua opinião sobre o futuro gráfico dessa ação?
    Parabéns pelo trabalho.

  2. 2 Leitão

    Oi Alex!
    Bom dia!

    Obrigado pelas visitas já a mais tempo! Fique sempre à vontade para participar, não se acanhe! :-)

    A Cemig continua boa e constante, como sempre. No que se refere à análise gráfica para fins de especulação, está quase rompendo sua congestão de preços… Estou acompanhando e não vai demorar muito vou atualizar seu gráfico. Rompendo para cima a tendência é de mais alta. No link abaixo tem o histórico completo das análises com ela:
    https://leitaoemacao.wordpress.com/tag/cmig4/

    Um abraço!
    Leitão

  3. 3 Pietro

    Oi Leitão. Como é bom partilharmos a nossa experiencia!!
    Obrigado leitão por partilhar o seu conhecimento e sua sujestão, pois foi valiosa na minha analise e decisão a duas semanas atrás quando comentei com voce sobre uma especulação em Oibr3 ou Oibr4. Voce disse: “” que não especula com empresas fracas””. Eu sabia que os fundamentos dela não são bons, mas esta sua frase que evidenciei, foi decisiva para eu corrigir a minha teimosia especulativa de operar estas empresas. A conclusão foi que não especulei a OI, e não vou mais especular empresas com fracos fundamentos. Se tivesse operado naquele dia, tinha levado prejuizo, pois os preços cairam . Realmente é como voce ensina no curso, que devemos especular com Empresas Ótimas , pois se tudo der errado, pelo menos ficamos com Empresas boas na carteira gerando Valor .Mas as vezes somos tentados pelas emoções , e nada melhor do que a partilha com o Mestre para nos corrigir os desvios na nossa caminhada para o sucesso nos ivestimentos.
    Saudações a todos.
    Pietro.

  4. 4 Leitão

    Oi Pietro!
    Obrigado pelo feedback! Que bom que pude ajudar um pouco mais!

    Realmente temos que fazer de tudo para minimizar os riscos e maximizar os bons resultados. Sendo assim, evitar empresas de fundamentos ruins é uma boa prática nessa direção. Se podemos diminuir riscos, então para quê agir diferente…

    Um grande abraço!
    Leitão

  5. 5 Thiago

    Boa tarde Leitão e a todos!
    Estou vendo a CPLE3 e a princípio achei interessante mas ainda estudando-a. Qual sua opinião sobre ela com relação a IG?
    Abraço!
    Thiago

  6. 6 Leitão

    Oi Thiago!
    Boa tarde!

    A CPLE3 não me atrai não… Está estagnada em seus lucros e não mostra nenhuma melhora a um bom tempo. Em fim, temos outras melhores no setor de elétricas… Eu gosto muito da Cemig, Coelce e GEIT4 – dê uma estudada nelas…

    Um abraço!
    Leitão

  7. 7 Daniel alcântara

    Olá leitão, em sua opinião, a Petrobras continua boa?

    abraço!

    Daniel Alcantara

  8. 8 Paulo

    A Petrobras só vai melhorar quando o Margarina (Mantega) parar de usar a empresa para segurar a inflação. Esse governo está conseguindo o milagre de ter prejuizo com uma Petrolífera…

  9. 9 Marujovalter

    Boa tarde querido Leitão! Agradeço pela dica anterior.

    Ao passear pelo seu blog achei um “cardápio alternativo” que não está atualizado, inclusive, o que seria isso?

    Outra pergunta: Com cerca de 1000 reais nem sempre dá para comprar um lote. Posso ir comprando no fracionário até somar um lote ou independentemente disso ir comprando fracionados de outras ações. Pergunto isso que pelo que entendi vender pelo lote ou comprar é mais vantajoso.
    Novamente, parabens!

    E que venha fevereiro!

  10. 10 Leitão

    Oi Daniel!

    Sim, continua. E o Paulo fez um bom comentário…

    Realmente o governo está pisando na bolsa com os acionistas, mas isso é passageiro…

    Daria para fazer uma resenha de 03 páginas sobre a situação da Petrobras, mas em resumo é o seguinte: Petróleo é bom e dá lucro, mesmo que eventualmente os gestores pisem na bola (e além do mais, daqui a 02 anos muda o governo e tudo muda novamente – os bons negócios sobrevivem, apesar dos maus momentos).

    Em minha estratégia não tenho a menor pressa em cobrar resultados da Petrobras, posso esperar tranquilamente…

    ——————————————–
    Oi MarujoValter!

    O “Cardápio Alternativo” que publico aqui no blog é uma parte das ações de menor porte que mantenho em carteiras de Investimento, em menor proporção. São ações interessantes para um olhar de investidor. Essas eu não uso para Especulações (compras e vendas rápidas) e justamente por isso não fico atualizando gráficos toda semana… Essas eu venho e publico uma atualização anual, para acompanhamento…

    Podemos comprar sempre no fracionado mesmo, sem problema algum. Não é necessário “formar lotes”. E na maioria das vezes iremos sempre comprar fracionado mesmo, parceladamente todo mês, montando uma bela e equilibrada carteira de ações, com empresas de vários setores e bem lucrativas…

    Lotes fechados são interessantes somente para fazer Especulações (compra e venda rápida), pois são mais líquidos e fáceis de negociar rapidamente. Já para Investimento (sócio) podemos comprar no fracionado normalmente.

    —————-
    Abraços, pessoal!
    Leitão

  11. 11 Ploko

    Acho que não muda em 2 anos não hein Leitão… Veja que é bem provável a reeleição da Dilma, então serão na verdade, no mínimo, mais 6 ANOS de interferências políticas na Petro.. 6 anos é muito custo de oportunidade jogado fora na minha opinião..

  12. 12 Tiago

    Ja estou a mais de 4 anos no mundo da compra e venda de acoes, mas tive agora uma duvida de iniciante. Bom, sempre seremos inciantes em tudo!!! hehe La vai:
    Se eu compro no fracionado ao longo dos meses, e no fim do ano eu junto 100 acoes de uma empresa, posso vender o lote?

  13. 13 Tiago

    Quando disse vender o lote,quiz dizer vender sem ser no fracionado….

  14. 14 Leitão

    Oi Ploko!

    Realmente, você tem razão…
    Se a política se manter como está por mais 06 anos é muito tempo de má gestão mesmo.

    Mas, tudo continua no “se”, no futuro. Ou seja, não podemos mesmo ficar baseando nossas ações com base em “futuro”.

    Hoje Petrobrás está com problemas de resultado e gestão não-voltada para os acionistas, é um fato. Quem decide por não investir nela não está errado.

    No meu caso, em particular, continuo investindo. Para mim não será um “custo de oportunidade”, visto que não deixo de investir em outras por causa da Petrobras. Mantenho minha carteira bem equilibrada justamente por isso, pois não gosto de ficar “apostando” em estrelas. Se a Petrobras decepcionar, ok, não me atrapalha. Minha análise de valor com ela continua favorável (mas isso no meu caso em particular mesmo).

    ———————————————-
    Oi Tiago!

    Estamos sempre aprendendo, e eu aprendo um pouco mais a cada dia aqui com os amigos.

    Sim, se você for comprando no fracionado aos poucos terá quantidades redondas para lotes, e poderá sim vender lotes inteiros, se precisar.

    ——————
    Abraços, pessoal!
    Leitão

  15. 15 Adriano Pina Pereira

    Sobre a Petrobrás veja o que diz o JP Morgan na EXAME:

    JP Morgan reduziu o preço-alvo das ações da Petrobras (PETR3; PETR4) com a projeção de um nível mais elevado de importações de combustíveis em 2013 e as dúvidas sobre o reajuste da gasolina e do diesel no mercado interno.

    O JP Morgan reitera a preferência pela OGX (OGXP3) dentro do setor de petróleo no Brasil por conta de uma “abundante” série de eventos que podem dar valor à empresaem 2013.

    Me diz se não tudo doido…

  16. 16 Adriano Pina Pereira

    Agora vejam o que diz o CITI sobre a WEG:

    É igual ao meteorologista que diz que vai chover, mas também pode fazer sol, desde que não esteja nublado:

    São Paulo – Apesar de a Weg (WEGE3) viver um bom momento, aproveitando-se da recuperação da atividade industrial no país, dos incentivos fiscais e dos juros baixos, a Citi Corretora rebaixou sua recomendação de neutra para vender. “A ação nunca foi barata e agora está cara”, explica o analista Luis Vallarino, que assina o relatório.

    Segundo Vallarino, a ação da Weg tem sido historicamente negociada com um prêmio significativo sobre as ações de empresas comparáveis, sustentado pelo crescimento (a receita aumentou 5,5 vezes entre 2000 e 2010) e lucratividade acima da média.

    Apesar de as expectativas para o futuro continuarem positivas, não estão mais no mesmo nível visto nos anos anteriores.

    Por outro lado, o preço-alvo para os papéis foi elevado para 23 reais por ação. O novo preço se justifica pela solidez da empresa.

    “A diretoria está concentrada em iniciativas estratégicas positivas como o segmento de energia renovável e em aumentar sua internacionalização”, afirma o analista.

    Além disso, com a recuperação da atividade industrial no Brasil, em consequência dos incentivos do governo federal, a Weg vai ser beneficiada.

    Cada vez mais concordo com o Leitão que não dá para ficar dando atenção em noticias. Acho que esses “analistas de mercado” ganham por quantidade de relatórios que produzem, deve ser R$ xx/kg de papel…

  17. 17 Leitão

    Oi Adriano!

    Hehehe! Essa foi boa!! E você está quase certo, eles ganham um salário fixo por mês mais comissão nos anúncios que geram nas mídias em que trabalham. Então, quanto mais abobrinhas escrevem (e tem que ser abobrinha com ibope), melhor para eles. Aposto um doce que eles colocam os estagiários para redigir isso e nem têm dinheiro investido em bolsa… :-)

    Olha, em 07 anos que mantenho o Blog, nada mudou… Veja um de meus primeiros posts:

    https://leitaoemacao.wordpress.com/2008/07/19/analises-embromation/

    E mais:
    https://leitaoemacao.wordpress.com/2011/02/23/analises-embromation-2-em-video/

    https://leitaoemacao.wordpress.com/2012/03/20/noticias-embromation/

    Um abraço!
    Leitão

  18. 18 Alberto

    Oi, Leitão!

    Acho que há um erro conceitual nessa frase!
    “Para mim não será um ‘custo de oportunidade’, visto que não deixo de investir em outras por causa da Petrobras.”
    Tudo bem que voce não deixa de investir em outra, mas poderia estar alocando mais em outras, se deixa-se de investir na Petrobras. Só não ocorreria o custo de oportunidade, se as outras alternativas fosse inferior a da Petrobras, o que não é o caso.

    Outra coisa que me intriga e quando voce fala em carteira equilibrada, as vezes parece que voce da extrema importância a análise de fundamento na questão de caro e barato, e deixa de analisar o fundamento na capacidade de geração valor de forma secundaria.
    Fazendo uma analogia de uma carteira com uma plantação de uma fazenda, O primeiro fazendeiro ele escolhe a semente de acordo com a produtividade, e depois usa o criterio de preço / produtividade como critério de desempate. O segundo fazendeiro da prioridade a questão preço / produtividade, deixando a produtividade em segundo plano.
    Naturalmente as sementes mais produtivas são relativamente mais caras.
    Ai me pergunto qual dos dois fazendeiro esta “apostando mais”?? , qual dos dois terá mais sucesso na empreitada.???

    Um abraços

    Alberto.

  19. 19 Leitão

    Oi Alberto!

    Suas colocações fazem sentido sim… Mas deixa eu explicar um pouco mais então…

    Custo de Oportunidade é quando deixamos de investir em algo esperando algo melhor e outro investimento. Deixo de investir em X esperando que Y me dê mais, mas considero o custo de X para decidir, pois Y tem mesmo que me dar mais.

    Se invisto em Petrobrás é porque considero o risco dentro do aceitável (para meus padrões) e espero que a alocação dela me dê retornos acima do que poderia se estivesse investindo em outras coisas. Como continuo investindo em outras coisas, o Custo de Oportunidade em Petrobrás está competindo apenas com a Renda Fixa (no meu caso). Então, dessa forma, espero que a alocação de recusos na Petrobras me dê mais que a Renda Fixa, e só, pois a questão Risco/Retorno nela é tranquila (para mim).

    Mas uso o parâmetro Renda Fixa apenas como linha de corte para risco. Espero, claro, que dê bem mais que isso. Ou seja, considero o mínimo aceitável e deixo o resto como risco-positivo, ou seja, o risco de dar muito mais certo do que o planejado é bem maior do que o risco de dar apenas o planejado.

    Quanto ao tipo de estratégia, é outra coisa que pode causar confusão. Ou seja, uso duas estratégias sempre: IG e IV – Investimento Gradual e Investimento em Valor. Cada uma exige análises e posicionamentos singulares. Uma privilegia mais a qualidade, outra privilegia mais a relação preço/valor. Por isso às vezes isso pode ficar confuso…

    Só não detalho mais meus posicionamentos em cada empresa pois esbarra na minha responsabilidade com os amigos leitores, ou seja, não posso dar dicas detalhadas de operação direta, não me é permitido isso… Então procuro ir o mais próximo possível, discutindo Conceitos e idéias, com objetivo maior de aprendemos todos juntos,crescermos juntos. No campo educacional ajudo ao máximo, no campo operacional fico impedido de ir além do que já vou…

    Um abraço!
    Leitão


Participe! Deixe um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s